sicnot

Perfil

Rio 2016

'Media' chineses instados a falar de patriotismo dos atletas em vez dos fracasssos

© POOL New / Reuters

As autoridades chinesas ordenaram aos 'media' nacionais para deixarem de publicar notícias sobre os problemas e fracassos dos atletas do país nos Jogos Olímpicos e centrarem-se em exaltar o patriotismo dos desportistas, escreve a agência Efe.


"Não informem sobre as misérias dos atletas olímpicos, informem mais sobre o seu espírito patriótico", refere uma diretiva enviada aos 'media' chineses e publicada na página de Internet do ministério que tutela a comunicação social.

A ordem surge nos últimos dias dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro, numas olimpíadas em que a China teve das piores prestações em comparação com as edições anteriores, o que, juntamente com o aparecimento de atletas nacionais com forte personalidade como a nadadora Fu Yuanhui, mudou a forma de noticiar da imprensa chinesa.

A comunicação social tem focado mais o lado humano dos desportistas do que a glória.

Fu ficou famosa ao mostrar-se surpreendida para as câmaras de televisão quando foi informada pela jornalista de que tinha conquistado uma medalha de bronze e também pelas suas declarações. Entre outros comentários, ficou famosa por dizer que não tinha feito uma boa prova por estar menstruada.

Outros desportistas chineses também mudaram a habitual atitude fria e patriótica dos seus antecessores, como a jogadora de pingue-pongue Li Xiaoxia, que depois de ganhar o ouro na prova de pares confessou que tinha terminado a relação com o namorado.

Enquanto a China deixava fugir algumas vitórias nestas olimpíadas, acontecimentos como o pedido de casamento de um atleta à namorada, quando ela estava a receber a medalha de prata na prova feminina de trampolim a três metros, tornaram-se virais no país.

Lusa

  • Tomadas medidas para evitar danos ambientais após acidente na barra da Armona
    1:49

    País

    Quatro tripulantes foram transportados para o hospital com hipotermia, depois de terem caído ao mar. A embarcação onde seguiam, e que faz trabalhos de reposição de areias, virou-se esta manhã, na ilha da Armona, em Olhão. As autoridades vão abrir um inquérito para apurar as causas do acidente e estão a tomar medidas para evitar danos ambientais, visto que a embarcação transportava 12 mil litros de gasóleo.

  • Papa no Chile em ambiente de contestação à Igreja Católica
    3:13

    Mundo

    O Papa pediu hoje perdão pelos crimes de pedofilia cometidos por membros da Igreja Católica no Chile, referindo que sentiu "dor e vergonha" diante do "dano irreparável" causado às crianças vítimas de abuso sexual. Francisco está a cumprir uma deslocação de três dias ao Chile, onde a contestação à visita e à Igreja se faz sentir. O Papa enfrenta um ambiente hostil na sexta viagem à América Latina, devido à denúncia de abusos sexuais na Igreja.

  • Domingos Paciência sai do Belenenses

    Desporto

    Domingos Paciência deixou esta terça-feira o comando técnico do Belenenses. O treinador e a SAD do clube chegaram a acordo para a rescisão amigável do contrato.

    Em atualização

  • Reviravolta na Operação Fizz
    1:09

    País

    O juiz que vai julgar o chamado processo da Operação Fizz decidiu aceitar as denúncias de Orlando Figueira contra o presidente do Banco Atlântico e o advogado Daniel Proença de Carvalho. As acusações do principal arguido contra o banqueiro Carlos Silva e o advogado Proença de Carvalho podem trazer uma reviravolta ao processo.

  • Apoio psicológico fundamental em Vila Nova da Rainha
    2:19
  • Projeto Bairros Sem Cárie levou 300 pessoas do Seixal ao dentista
    3:08

    País

    Portugal tem dos piores indicadores de saúde oral da Europa e ir ao dentista é quase um luxo. Num país assim ganham ainda mais relevância iniciativas como o projeto Bairros Sem Cárie. 300 pessoas de bairros sociais do Seixal tiveram uma consulta de estomatologia gratuita.

  • Homem rompe a garganta ao tentar impedir espirro

    Mundo

    Impedir um espirro apertando o nariz pode causar sérias lesões. Foi o que aconteceu a um homem na Grã-Bretanha que teve de ser hospitalizado porque sofreu uma rutura na garganta ao apertar boca e nariz ao espirrar.