sicnot

Perfil

Rio 2016

Libertado irlandês envolvido no escândalo de venda de bilhetes no Rio 2016

Foi libertado um dos vários responsáveis desportivos irlandeses que tinha sido detido no Brasil, na sequência de um escândalo de venda de bilhetes para os Jogos Olímpicos. Kevin Mallon era diretor de uma empresa de venda de bilhetes que foi contratada pelo Comité Olímpico da Irlanda para revenda dos ingressos ao público a preços cinco vezes acima do normal.

A polícia brasileira encontrou e-mails entre Mallon e o presidente do comité irlandês que provam a intenção de ambos os organismos.

Patrick Hickey, Presidente do comité, continua detido mas fonte das autoridades brasileiras confirmou à agência Reuters que o tribunal vai devolver os passaportes dos três membros do comité que permanecem detidos e que serão autorizados a deixar o Brasil.

  • A morte das sondagens foi ligeiramente exagerada

    Um atentado sem efeitos eleitorais, sondagens que acertaram em praticamente tudo, inexistência do chamado eleitorado envergonhado. E um candidato que se situa no centro político com fortíssimas hipóteses de vencer a segunda volta. As presidenciais francesas tiveram uma chuva de acontecimentos anormais, mas acabam por ser um choque de normalidade. Pelo menos até agora...

    Ricardo Costa

  • "O FC Porto não merece ser campeão"
    2:23
    Play-Off

    Play-Off

    DOMINGO 22:00

    O empate do FC Porto com o Feirense foi o principal assunto do Play-Off da SIC Notícias, este domingo. Rodolfo Reis mostrou-se insatisfeito com a atitude dos jogadores do FC Porto.

  • Incêndio em Alfragide deixa 12 pessoas desalojadas
    1:59

    País

    Um incêndio destruiu este domingo a cobertura de um prédio de habitação em Alfragide, no concelho da Amadora. Doze pessoas ficaram desalojadas, mas ninguém ficou ferido. Os bombeiros dominaram o fogo em cerca de uma hora, os moradores queixam-se da falta de eficácia no combate às chamas.

  • Uma volta a Portugal. De bicicleta mas sem licra

    País

    Um grupo de professores propõe-se a repetir o percurso da 1.ª Volta a Portugal em Bicicleta, 90 anos depois. Não se trata de uma corrida, pelo contrário querem provar que qualquer um o pode fazer e promover o uso da bicicleta como meio de transporte pessoal. “Dar a volta” parte para a estrada esta quarta-feira, de Lisboa a Setúbal, tal como em 26 de abril de 1927.

    Ricardo Rosa