sicnot

Perfil

Rio 2016

Mário Trindade na final dos 400 metros para atletas em cadeira de rodas

O português Mário Trindade qualificou-se esta segunda-feira para a final dos 400 metros T52, prova para atletas com deficiência motora que competem em cadeira de rodas, dos Jogos Paralímpicos Rio2016.

Mário Trindade, que já tinha marcado presença na final dos 100 metros T52, na qual foi sexto classificado, conseguiu nas eliminatórias desta segunda-feira a sua melhor marca pessoal da época, com 1.02,51 minutos.

A final dos 400 metros T52 dos Jogos Paralímpicos Rio2016, competição na qual Portugal está representado por 37 atletas, está marcada para terça-feira às 10:20 locais (14:20 em Lisboa).

Lusa

  • Portugueses David Grachat e Mário Trindade nas finais das suas categorias

    Rio 2016

    O português David Grachat garantiu esta sexta-feira presença na final dos 400 metros S9, dos Jogos Paralímpicos Rio2016, distância na qual conquistou em maio uma medalha de bronze nos Campeonatos Europeus de natação adaptada. Já o atleta Mário Trindade, de 41 anos, garantiu presença na final dos 100 metros T52 (deficiência motora), dos Jogos Paralímpicos Rio2016, ao terminar em segundo a sua série.

  • O percurso dos rendimentos de Ronaldo
    3:43

    Football Leaks

    O Ministério das Finanças espanhol abriu uma investigação a Cristiano Ronaldo, por eventuais irregularides na declaração dos rendimentos da publicidade. A Gestifute, empresa do agente do avançado do Real Madrid, garante que Ronaldo tem os impostos em dia. A investigação aos documentos extraídos da plataforma informática Football Leaks, liderada pela revista alemã Der Spiegel, e da qual faz parte o jornal Expresso, conseguiu traçar o percurso dos rendimentos do melhor jogador do mundo.

  • Fábio Coentrão investigado por suspeita de delitos fiscais
    3:37

    Football Leaks

    O Ministério Público de Madrid acusou o defesa português Ricardo Carvalho de evasão fiscal e está a investigar Fábio Coentrão por eventuais delitos fiscais. Além dos dois portugueses a justiça acusou ainda o espanhol Xabi Alonso, o argentino Ángel Di María e investiga o colombiano Falcão. As investigações surgem depois da revelação do caso Football Leaks, investigada pelo Expresso e pelo consórcio europeu de jornalistas que tiveram acesso a milhões de documentos.