sicnot

Perfil

Rio 2016

Maratonista Manuel Mendes admite que medalha "não era totalmente esperada"

O atleta português Manuel Mendes admitiu que a medalha de bronze que conquistou este domingo na maratona da classe T46 dos Jogos Paralímpicos Rio2016 "não era totalmente esperada".

"O meu treinador disse que se tivesse juízo podia fazer uma surpresa e fiz", afirmou o atleta, que não tem o antebraço esquerdo, no final dos 42,195 quilómetros da prova, disputada num circuito do Forte de Copacabana.

Manuel Mendes terminou a prova com o tempo de 2:49.57 minutos, atrás do chinês Li Chanoyyan (2:33.35) e do espanhol Abderrahmam Khamouch (2:37.01), medalhas de ouro e prata, respetivamente.

O atleta, de 45 anos, explicou que fez toda a prova no seu ritmo, admitindo que as temperaturas superiores a 35 graus acabaram por prejudicar alguns dos favoritos.

"Andei no meu ritmo, nunca sai da minha zona de conforto, com as temperaturas, os favoritos foram caindo. Andei uma volta completa num ritmo tranquilo", disse.

Manuel Mendes, que se estreou em Jogos Paralímpicos, reconheceu que a melhor estratégia foi não arriscar muito: "Se me aventurasse teria 'estourado' e, na parte final, teria sido apanhado".

O atleta manifestou a esperança de que estes não sejam os seus últimos Jogos Paralímpicos, afirmando: "a minha carreira ainda não está terminada, mas é preciso dar passos certos com os pés no chão".

Visivelmente satisfeito, o atleta português agradeceu à família, aos amigos, e ao treinador, Ricardo Ribas, dedicando a todos e "também à cidade de Guimarães" a medalha hoje conquistada.

Portugal fechou assim a sua participação nos Jogos Paralímpicos Rio2016 com quatro medalhas de bronze: duas no atletismo e duas no boccia.

Lusa

  • Sérgio Conceição no radar do FC Porto

    Desporto

    O treinador português e os seus representantes têm marcada para esta sexta-feira uma reunião decisiva com o FC Porto. Sérgio Conceição poderá ser o sucessor de Nuno Espírito Santo no comando técnico dos dragões.

  • Morreu José Manuel Castello-Lopes

    Cultura

    O empresário de cinema morreu esta quinta-feira aos 86 anos. A notícia da morte foi avançada hoje pela Academia Portuguesa de Cinema na sua página de Facebook.

  • Grupo armado mata 28 cristãos no Egito
    1:03
  • PSD quer criar taxa sobre a Uber e Cabify
    1:21

    Economia

    O PSD quer criar uma taxa sobre a Uber e Cabify para regulamentar as plataformas de transporte. A proposta deu entrada esta sexta-feira, no Parlamento, e procura ser uma alternativa ao projeto lei do Governo para o setor.

  • Médico português a caminho de Mossul
    3:01

    País

    Um médico português vai partir para o Iraque, no final do mês, para integrar uma equipa dos Médicos Sem Fronteiras. Gustavo Carona vai para Mossul, uma cidade bastião dos jihadistas, que tem sido palco de uma violenta guerra entre o Daesh e as forças iraquianas.

  • Filho de Eduardo dos Santos gasta 500 mil euros em relógio

    Mundo

    Desta vez não é Isabel dos Santos que dá que falar, mas sim um outro filho do Presidente de Angola. Danilo dos Santos arrematou um relógio por 500 mil euros, num leilão em Cannes. O momento foi partilhado através de um vídeo no Instagram, no qual aparece o ator Will Smith a comentar que o jovem "parece demasiado novo para ter 500 mil euros".

  • O "chega p'ra lá" de Trump
    2:35
  • A promessa e a peregrinação do Presidente no Luxemburgo
    2:28

    País

    O Presidente da República promete voltar ao Luxemburgo até ao final do ano, se houver mais 10 mil portugueses recenseados até julho. Marcelo Rebelo de Sousa participou esta quinta-feira na peregrinação em honra de Nossa Senhora de Fátima, que todos os anos recebe milhares de emigrantes portugueses.

    Enviados SIC