sicnot

Perfil

Sismo em Itália

Número de mortos no sismo em Itália sobe para 278

O último balanço provisório da Proteção Civil italiana dá conta de 278 mortos na sequência do terramoto de 6,2 graus na escala de Richter que atingiu na madrugada de quarta-feira o centro de Itália.

O anterior balanço provisório oficial dava conta de 267 vítimas mortais.

De acordo com os mesmos dados provisórios divulgados hoje, o forte abalo fez igualmente 388 feridos.

Ocorrido às 03:36 (02:36 em Lisboa) de quarta-feira, o sismo de magnitude 6,2 é um dos mais mortíferos dos últimos anos em Itália.

Na localidade de Amatrice, onde foi registado o maior número de vítimas mortais (218), as equipas de resgate continuavam as buscas de possíveis sobreviventes entre os escombros.

Em Arquata foram contabilizados 49 mortos, enquanto na zona de Accumoli morreram 11 pessoas, confirmou também a Proteção Civil italiana.

Desde que ocorreu o forte abalo foram resgatadas com vida 238 pessoas, precisou um porta-voz daquela entidade italiana.

A Proteção Civil italiana informou igualmente que instalou áreas de acolhimento para 3.600 pessoas em 44 locais e que estão envolvidos 6.581 efetivos nos trabalhos de resgate e de acolhimento dos desalojados.

A entidade italiana relatou ainda que até às 17:13 locais (16:13 em Lisboa) foram registados 1.059 movimentos sísmicos, dos quais 220 durante o dia de hoje. Dez destas réplicas registaram uma magnitude entre três e quatro graus na escala de Richter.

Lusa

  • O perfil do homicida de Barcelos
    2:42

    País

    Adelino Gomes Briote já tinha sido condenado por ofensas à integridade física da sogra e de uma filha. Em seis meses esta foi a segunda vez que o homem acusado do quádruplo homicídio em Barcelos esteve perante a justiça.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
  • Trump diz que Obamacare vai "colapsar"

    Mundo

    O Presidente norte-americano tentou desvalorizar a derrota política sofrida na sexta-feira no Congresso, ao desistir da revogação da lei de saúde pública do seu antecessor, conhecida como Obamacare, afirmando que esta vai colapsar por si mesma.

  • Milhares nas cerimónias fúnebres de dirigente do Hamas

    Mundo

    Milhares de palestinianos participaram nas cerimónias fúnebres de um dirigente do Hamas, assassinado esta sexta-feira, na Faixa de Gaza. Vários homens armados acompanharam o cortejo fúnebre até à mesquita, onde se fizeram as últimas orações.

  • Guerra na Síria não dá tréguas
    1:51

    Mundo

    Na Síria e ao mesmo tempo que decorrem novas negociações de paz, a guerra não dá tréguas. As imagens mostram o resultados dos últimos raides aéreos nos subúrbios de Damasco. O balanço provisório é de mais de 30 mortos e pelo menos 50 feridos.