sicnot

Perfil

Sismo no Nepal

Sismo no Nepal

Sismo no Nepal

Nações Unidas preparam "um grande esforço" de ajuda ao Nepal

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-Moon, anunciou que a organização está a preparar "um grande esforço" de ajuda ao Nepal que hoje sofreu um grave terramoto.

© Navesh Chitrakar / Reuters

"As Nações Unidas estão a apoiar o governo do Nepal na coordenação das operações internacionais de busca e resgate e está a preparar-se para organizar um grande esforço de assist~encia", assinalou Ban Ki-Moon, em comunicado.

O diplomata coreano recordou que continuam a chegar informações da devastação causada pelo sismo e que vão aumentando o número de vítimas.

Mais de mil pessoas morreram hoje no Nepal, em consequência de um terramoto de 7,8 graus na escala de Richter.

Os Estados Unidos anunciaram, entretanto, o envio de equipas de busca e salvamento e a entrega de um milhão de dólares para ajudar o país atingido pelo sismo.

A agência americana de ajuda USAID "prepara-se para enviar uma equipa de segurança e de assistência", declarou o secretário de Estado John Kerry, em comunicado.

Segundo um responsável da Casa Branca, o presidente Barack Obama continua a acompanhar a situação no Nepal.

Por seu aldo, o papa Francisco expressou a sua "solidariedade com todos os afetados" por este terramoto, tendo enviado um telegrama em seu nome pelo secretário de estado do Vaticano, 

O pontífice enviou uma mensagem de ânimo às autoridades civis e às equipas de resgate de vítimas "que continuam os seus esforços de assistência aos que foram afetados pela tragédia".


Lusa
  • Bruno de Carvalho e Octávio Machado suspensos

    Desporto

    O presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, e o diretor-geral para o futebol, Octávio Machado, foram esta terça-feira suspensos pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, na sequência de uma queixa apresentada pelo Benfica em novembro de 2015.

  • Corredora exausta é levada ao colo até à meta na meia maratona do amor
    1:06

    Mundo

    Aconteceu este domingo em Filadélfia, EUA. A poucos metros da meta uma corredora exausta é amparada por dois colegas. Mas o cansaço é tanto que fica sem força nas pernas. É quando aparece a terceira ajuda. Um homem volta para trás e leva-a no colo até à meta. A centímetros do fim larga-a para que a corredora possa atravessar a meta pelo seu próprio pé.

    Patrícia Almeida

  • Kennedy acreditava que Hitler estava vivo

    Mundo

    Um diário de John F. Kennedy vai a leilão em Boston, nos Estados Unidos da América. O diário foi escrito durante a sua breve carreira como jornalista, depois da 2.ª Guerra Mundial. No livro, foram expostas algumas teorias do antigo Presidente norte-americano, como a possibilidade de Hitler estar vivo.

    Ana Rute Carvalho