sicnot

Perfil

Sismo no Nepal

Sismo no Nepal

Sismo no Nepal

Helicóptero militar dos EUA com oito pessoas desaparece no Nepal

Um helicóptero militar norte-americano UH-1Y dos "Marines" que participava nas operações humanitárias após sismo no Nepal desapareceu hoje, anunciou o Pentágono. 

© Handout . / Reuters

Seis "marines" e dois militares nepaleses encontravam-se a bordo, precisou o porta-voz do Pentágono. Segundo os militares norte-americanos, o helicóptero desapareceu perto de Charikot durante a tarde, após ter entregado um primeiro carregamento, e quando se dirigia para um segundo ponto de entrega. 

Segundo o coronel Steven Warren, porta-voz do Pentágono, os helicópteros que voavam em simultâneo captaram conversações rádio que referiam um problema de combustível. 

"Esperemos que não se tenha despenhado" e tenha apenas feito uma aterragem de emergência, disse. 

O militar adiantou ainda que uma primeira operação de buscas desencadeada ao início da noite não detetou destroços, nem chamas, nem princípio de incêndio na região. 

Segundo o Pentágono, cerca de 300 militares norte-americanos encontram-se neste momento no Nepal para participar nas operações de assistência após o tremor de terra de magnitude 7,8 de 25 de abril que provocou mais de 8.000 mortos. 

O país registou hoje um novo e poderoso sismo de magnitude 7.3 e poderosas réplicas, que provocaram cerca de 50 mortos no Nepal e 17 na Índia. 






Lusa
  • Atores recriam cena em que um homem é vítima de violência doméstica
    1:35
  • Ministério Público admite eventual detenção do presidente do governo da Catalunha
    2:24
  • Bispo vermelho

    "Recebia trabalhadores e sindicalistas, batia à porta de políticos e empresários, andava pelas ruas da cidade ao encontro dos que das ruas da cidade faziam casa". Joaquim Franco evoca Manuel Martins, o "bispo vermelho".

    Joaquim Franco

  • Apreendidos quase 7.000 comprimidos ilegais vendidos pela internet
    1:43

    País

    O Infarmed e a Autoridade Tributária apreenderam perto de 7.000 unidades de comprimidos ilegais.A apreensão aconteceu no âmbito de uma operação internacional da Interpol de combate aos medicamentos ilegais vendidos pela internet, explicou à SIC Luís Sande e Castro, diretor da Unidade de Inpeção do Infarmed.

  • Passageiro detido com 1 kg de ouro no reto

    Mundo

    Os funcionários da alfândega do aeroporto de Colombo, Sri Lanka, estranharam o comportamento de um passageiro que "caminhava com dificuldade". Um exame completo revelou a valiosa carga que levava escondida... no tubo intestinal.