sicnot

Perfil

Taça das Confederações

Taça das Confederações

Taça das Confederações

Turismo de Portugal e FPF investem 320 mil euros na promoção do país

O Turismo de Portugal e a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) vão investir 320 mil euros, até 2018, em ações de promoção do país, com a primeira iniciativa agendada para a Taça das Confederações, anunciaram hoje as duas entidades.

A prova, em que Portugal participa na qualidade de campeão europeu, decorre entre sábado e 02 de julho, durante a qual as duas entidades vão dinamizar uma campanha digital e ainda várias ações junto de operadores turísticos russos, para "aumentar a notoriedade e reforçar a afinidade com o destino Portugal", aponta um comunicado conjunto das duas instituições.

O objetivo da campanha é "estimular o interesse junto dos turistas estrangeiros para conhecerem o país dos campeões europeus", destaca o documento, que elenca ainda a presença da campanha nas feiras internacionais, em que o Turismo de Portugal participa e durante a fase de preparação dos compromissos da seleção portuguesa, durante a caminhada para o Mundial 2018, a disputar em solo russo.

A medida, inscrita no programa Estratégia Turismo 2027, aproveita o título luso no Euro 2016, disputado em França no verão do ano passado, para promover o país através de um desporto "que ultrapassa fronteiras, raças ou credos", bem como a "presença além fronteiras" da seleção portuguesa, explicou o presidente do Turismo de Portugal.

Luís Araújo espera que a iniciativa 'Can't Skip Portugal' possa "elevar a fasquia, levando o nome de Portugal ainda mais longe". "Porque juntos somos mais fortes, esta parceria, que queremos que seja duradoura, contribuirá para aumentar a nossa notoriedade nos mercados internacionais", acrescentou.

O presidente da FPF, Fernando Gomes, preferiu destacar uma "parceria global" que elevará "o nome de Portugal ainda mais alto e mais longe", reforçando a missão da seleção de "representar e dignificar" o país.

"A união de forças com o Turismo de Portugal permitirá acentuar a FPF e as seleções nacionais como marca global; acentuará a visibilidade de Portugal num contexto internacional; abrirá novos mercados turísticos; criará mais emprego e mais riqueza para o país que defendemos", acrescentou o dirigente, que realçou a "sinergia de forças" entre as duas instituições.

Araújo elogiou, ainda, a seleção campeã europeia, uma "embaixadora de exceção" e "promotora ímpar" que se transforma "num motivo de grande orgulho onde quer que se exiba", enquanto Gomes manifestou a "satisfação e honra" de celebrar um acordo que, disse, estava previsto no seu programa eleitoral.

Lusa

  • Curiosidades sobre o Mundial da Rússia
    3:08
  • Ronaldo no País dos Sovietes: Algumas curiosidades
    1:54
  • O choro intenso de Neymar explicado pelo próprio
    0:51
  • A queda aparatosa do selecionador do Brasil
    0:05
  • Dia de limpezas em Chaves após noite de chuva intensa e queda de granizo
    2:44
  • Athanasia, uma mulher sem medo das alturas
    0:35

    Mundo

    É grega, chama-se Athanasia Athineau, tem 29 anos e pertence à unidade de forças especiais da Grécia. O salto que podemos ver é de 10 mil pés, mas Athanasia faz também saltos de 30 mil. Neste caso, caíu a uma velocidade de 250 quilómetros por hora antes de abrir o pára-quedas.

  • Talheres de Hitler vendidos por 14 mil euros

    Mundo

    Um conjunto de duas facas, três colheres e três garfos de prata, que pertencia a Adolf Hitler, foi vendido em Dorset, Inglaterra, pelo valor de 12.500 libras (aproximadamente 14.200 euros). O serviço de talheres foi criado no âmbito das celebrações do 50.º aniversário do ditador nazi.

    SIC