sicnot

Perfil

Crise na Ucrânia

Crise na Ucrânia

Crise na Ucrânia

UE e Ucrânia assinam memorando de entendimento para ajuda de 1,8 mil M€

A União Europeia e a Ucrânia assinaram hoje, em Riga, o memorando de entendimento referente a uma assistência financeira suplementar do bloco europeu ao seu parceiro de Leste no montante de 1,8 mil milhões de euros. 

© Ints Kalnins / Reuters

Este apoio suplementar, proposto pela Comissão Europeia no início do ano, e entretanto aprovado pelo Conselho e pelo Parlamento Europeu, constitui o terceiro programa de assistência macrofinanceira da UE à Ucrânia para apoiar os esforços de reformas do país, que atravessa sérias dificuldades devido ao conflito separatista no leste do território. 

O vice-presidente da Comissão responsável pelo euro, Valdis Dombrovskis, adiantou que o objetivo é desembolsar já uma primeira tranche de 600 milhões de euros assim que o memorando entrar em vigor, a seguir à sua ratificação pelo parlamento ucraniano. 

A assinatura do memorando de entendimento, à qual assistiu o presidente ucraniano Petro Poroshenko, teve lugar à margem da IV Cimeira da Parceria Oriental, que decorre na capital da Letónia, e que junta os chefes de Estado e de Governo da União Europeia e dos seus seis "parceiros" a leste, todos eles antigas repúblicas soviéticas, incluindo a Ucrânia. 

 



Lusa

  • Putin debate com Merkel conflito no leste da Europa
    1:14

    Mundo

    A chanceler alemã, Angela Merkel, está na Rússia para homenagear os soldados soviéticos mortos na Segunda Guerra Mundial. Uma deslocação marcada pela crise na Ucrânia e pelas relações tensas entre Moscovo e Berlim. O Presidente russo Vladimir Putin debateu com a chanceler Merkel o conflito no leste da Europa.

  • Grafitter morre após cair do telhado da estação de Sete Rios
    0:57

    País

    Um grafitter morreu no sábado na estação intermodal de Sete Rios, em Lisboa. O jovem caiu de uma altura de seis metros, enquanto fazia um grafitti. As autoridades terão sido alertadas por um amigo, mas quando o INEM chegou o jovem de 21 anos já estava morto.

  • Incêndio em empresa na Anadia não teve origem criminosa
    2:01

    País

    O incêndio de sábado numa fábrica de capacetes em Anadia causou estragos de perto de um milhão de euros. A empresa vai retomar a laboração já esta segunda-feira, mas só daqui a um mês é que deverá estar a trabalhar em pleno. As autoridades afastaram a possibilidade de origem criminosa, apesar das peritagens ainda não terem revelado a causa do incêndio.