sicnot

Perfil

Vistos Gold

Miguel Macedo diz que Ministério Público cometeu erros no processo Vistos Gold

Miguel Macedo diz que Ministério Público cometeu erros no processo Vistos Gold

Miguel Macedo acusa o Ministério Público de cometer erros dificilmente explicáveis na acusação do processo dos Vistos Gold. O ex-ministro, que prestou pela primeira vez declarações em tribunal, nega ter cometido qualquer um dos crimes de que é acusado.

  • Atrasos na atribuição de vistos Gold afasta investidores
    2:00

    Economia

    Os processos para atribuição de vistos Gold estão a demorar mais de um ano no Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, quando a lei preve um prazo de três meses. A demora está a afastar investidores e a diminuir o número de pedidos de residência de cidadãos chineses.

  • Atribuição de vistos Gold a suspeitos de corrupção
    5:33

    Opinião

    A investigação conjunta do semanário Expresso e do jornal britânico The Guardian revelou novos pormenores no caso dos vistos Gold. Os jornais revelam que suspeitos em casos de corrupção conseguiram o acesso à autorizção de residência para investimento em Portugal. Micael Pereira, um dos jornalistas do Expresso que participa na investigação, esteve na Edição da Noite e ajudou a perceber alguns dos requisitos para obter o visto dourado, nomeadamente ter o registo criminal atualizado e ter sido verificado, por parte dos respetivos advogados, o risco de branqueamento de capitais.

  • Dois jovens atropelados mortalmente no concelho de Montemor-o-Velho
    2:20
  • Presidente de "O Sonho" suspeito de peculato e fraude
    2:26

    País

    O presidente das três instituições de solidariedade social de Setúbal - incluindo "O Sonho" -, que na sexta-feira foram alvo de buscas, foi constituído arguido. Florival Cardoso é, por enquanto, o único suspeito de peculato e fraude na obtenção de subsídios para as instituições.

  • Manifestação contra mina de urânio junta milhares em Salamanca
    1:39
  • Assalto a Tancos e roubo de armas da PSP podem estar relacionados
    1:24

    País

    O assalto a Tancos e o roubo de armas da PSP, três recuperadas na semana passada, podem estar relacionados. O semanário Expresso avançou este sábado que há suspeitos de terem participado nos dois assaltos e o grupo, ou parte dele, atua principalmente do Algarve, com possíveis ligações a outras organizações espalhadas pelo país ou até transacionais.

  • Cessar-fogo de 30 dias na Síria
    2:07