sicnot

Perfil

Avião desaparecido

Avião desaparecido

Voo MH370

Operações de busca de destroços do voo MH370 começam na ilha de Reunião

As operações de busca francesas começaram esta sexta-feira ao largo da ilha de Reunião, ilha francesa no oceano Índico, para tentar encontrar mais destroços do voo MH370, desaparecido em março do ano passado.

"As condições não são ótimas para um voo ou para a mobilização de um navio da marinha", disseram fontes próximas das autoridades da Reunião.

"As condições não são ótimas para um voo ou para a mobilização de um navio da marinha", disseram fontes próximas das autoridades da Reunião.

© Jacky Naegelen / Reuters

Um avião militar do tipo CASA (avião de carga tático militar), pertencente ao destacamento aéreo 181, partiu a meio do dia da base militar de Sainte-Marie (norte da Reunião) "para efetuar buscas em torno das costas da ilha", disse à agência noticiosa francesa AFP a comandante Aline Simon.

As autoridades francesas tinham anunciado na quinta-feira o destacamento "de meios aéreos e marítimos suplementares para detetar a eventual presença de novos destroços", na sequência da identificação de um fragmento da asa do Boeing 777 do voo MH370 da Malásia Airlines, desaparecido a 8 de março de 2014 com 239 pessoas a bordo.

"Patrulhas a pé, helicópteros de buscas e brigadas naúticas" também vão ser mobilizadas, indicou o governo francês.

As condições meteorológicas dificultaram o lançamento da operação esta manhã, devido à chuva no norte e leste da ilha.

"As condições não são ótimas para um voo ou para a mobilização de um navio da marinha", disseram fontes próximas das autoridades da Reunião.

O município de Saint-André, zona onde foram encontrados o fragmento da asa e pedaços de malas, a 29 de julho, anunciou que "equipas municipais e associativas" iam efetuar "uma busca minuciosa" no litoral.

As autoridades da ilha vizinha das Maurícias mantiveram as buscas, iniciadas na segunda-feira a pedido de Kuala Lumpur.

Um avião utilizado pela polícia realizou duas saídas na quinta-feira. Uma terceira saída foi efetuada por um avião "Defender", usado em buscas marítimas, disse uma porta-voz da polícia maurícia.

O perímetro potencial das buscas é imenso, e as equipas francesas deverão concentrar-se na área da Corrente Equatorial Sul (CES), que circula entre a Austrália e a Indonésia, em direção a Madagáscar.

De acordo com vários oceanógrafos, esta corrente teria levado o 'flap' do MH370 até à Reunião.

Lusa

  • Familiares das vítimas do voo MH370 querem mais respostas
    1:58

    Voo MH370

    Os familiares das vítimas do voo MH370 da Malaysia Airlines querem ainda mais respostas e perceber o que realmente se passou. Receberam com estranheza a confirmação de que os destroços encontrados na ilha da Reunião são do avião desaparecido. A maioria ainda tem esperança de que as autoridades possam encontrar mais do que os destroços do aparelho e anseiam por fazer o luto.

  • Encontrados novos destroços que podem pertencer ao voo MH370
    1:52

    Voo MH370

    Novos destroços foram encontrados no Índico, que podem pertencer ao avião das linhas aéreas da Malásia, que desapareceu no ano passado. A informação foi avançada pelo ministro dos Transportes do país, um dia depois de ter sido confirmado que o fragmento da asa recuperado pertencia mesmo ao Boeing 777 do voo MH 370. A Austrália, que lidera as buscas, está confiante de que as operações estão a decorrer no lugar certo e acredita agora estar mais perto de resolver o mistério.

  • Prisão preventiva para marroquino suspeito de apoiar o Daesh

    País

    O juiz do Tribunal Central de Instrução Criminal impôs esta quinta-feira prisão preventiva ao cidadão marroquino, detido na Alemanha e entregue a Portugal, suspeito de adesão e apoio ao grupo extremista Daesh e recrutamento e financiamento ao terrorismo.

  • "A isto chama-se pura hipocrisia"
    1:13

    Caso CGD

    Pedro Passos Coelho classifica a atuação do Governo na gestão da Caixa Geral de Depósitos como um "manual de cinismo político insuportável", declarações feitas pelo líder do PSD durante a reunião do Conselho Nacional em Lisboa.

  • O momento em que Trump quis ser um camionista

    Mundo

    O Presidente norte-americano Donald Trump reuniu-se esta quinta-feira com representantes da indústria de camionagem. Não é apenas do encontro que lhe falamos, mas principalmente da invulgar receção feita por Trump, que entrou para um camião, fingiu que o conduzia e buzinou... em pleno jardim da Casa Branca.

  • FBI investiga possível campanha de espiões russos contra Hillary
    0:57

    Mundo

    A suspeita de ligação entre a equipa de Donald Trump e operacionais russos está a aumentar. A CNN diz que a equipa do Presidente do Estados Unidos da América se coordenou com os russos para atingir Hillary Clinton. O FBI está a investigar registos telefónicos, de viagens, relatórios e transações para offshores.

  • Mais de 20 milhões estão a morrer à fome em África

    Mundo

    África enfrenta a maior crise desde 1945, com mais de 20 milhões de pessoas a morrer de fome em três países, Sudão do Sul, Somália e Nigéria, disse esta quinta-feira um responsável do Programa Alimentar Mundial das Nações Unidas.

  • Jovem violada em direto no Facebook não se sente em segurança

    Mundo

    A jovem de 15 anos que foi abusada sexualmente por cinco ou seis homens durante um vídeo em direto para o Facebook está a receber tratamento. A mãe da jovem deu uma entrevista, na qual disse que a filha já não se sente em segurança na sua vizinhança, depois de receber ameaças na internet.

  • Menina "rouba" chapéu ao Papa
    0:27

    Mundo

    Estella Westrick tem apenas três anos, mas já conseguiu chegar aos jornais de todo o mundo, depois de "roubar" o chapéu do Papa. Durante uma visita da família na quarta-feira ao Vaticano, a criança - que não parece estar muito contente no vídeo - foi pegada ao colo por um dos funcionários do Vaticano, que a levou depois até ao Papa. Nesta altura, Estella aproveitou para tirar o solidéu episcopal, arrancando gargalhadas de toda a gente, especialmente do Papa Francisco.

  • O edifício mais longo do mundo

    Mundo

    Se pensa que já viu tudo em relação aos edifícios mais longos e complexos do mundo, pense duas vezes. O edifício mais longo do mundo pode estar prestes a chegar e promete fazer de Nova Iorque uma cidade ainda mais atrativa.