sicnot

Perfil

Avião desaparecido

Avião desaparecido

Voo MH370

Boeing alvo de ação judicial nos EUA devido ao desaparecimento do MH370

A família de um passageiro do avião da Malaysia Airlines desparecido faz hoje dois anos apresentou uma ação judicial contra a Boeing, naquele que se acredita ser o primeiro processo nos EUA relativo ao caso a visar a empresa.

© Olivia Harris / Reuters

A ação foi interposta, na semana passada, em Chicago, onde fica a sede da Boeing, em nome de um passageiro do MH370 e cidadão norte-americano Philip Wood.

Na ação alega-se que o Boeing 777 operado pela Malaysia Airlines era defeituoso, pedindo-se que o tribunal determine uma indemnização, de acordo com uma cópia da queixa, citada hoje pela agência AFP.

O processo contra a Boeing refere que o desaparecimento do avião deve-se em parte à falta de "tecnologias alternativas razoáveis já disponíveis que teriam permitido que a localização precisa do avião da Boeing fosse monitorizada em tempo real em qualquer lugar do planeta".

Também refere que o fracasso em encontrar o local onde a aeronave se despenhou indica que a Boeing equipou as caixas negras com transmissores de sinais "ineficazes".

"A conclusão razoável que se pode retirar de todas as provas disponíveis é a de que o desaparecimento do voo MH370 foi resultado de um ou mais defeitos no fabrico ou conceção do avião da Boeing", refere a queixa.

Hoje cumprem-se dois anos desde o desaparecimento do avião da Malaysia Airlines que fazia a rota entre Kuala Lumpur e Pequim, que transportava 239 pessoas a bordo.

O segundo aniversário é o prazo final para a apresentação de processos na justiça contra a companhia aérea e nos últimos dias deram entrada mais de 100 ações em tribunais nos Estados Unidos, Malásia, China ou Austrália.

Lusa

  • Detido dono do cão que feriu criança com gravidade

    País

    O dono do cão de raça Rottweiler que esta terça-feira feriu com gravidade uma criança de 4 anos em Matosinhos foi detido pela PSP e o animal já foi recolhido no canil municipal, informou fonte oficial da autarquia.

    Em atualização

  • A fuga dos PIDES
    20:08
  • Desconhecem-se as causas do incêndio na fábrica da Tratolixo
    0:43

    País

    Os moradores de Trajouce, em São Domingos de Rana, não ganharam para o susto com um incêndio nas instalações da empresa de resíduos Tratolixo.O alerta foi dado por populares e trabalhadores da empresa. O vento foi o maior problema dos bombeiros no combate às chamas durante a noite. No local estiveram 133 homens, apoiados por 51 viaturas.Desconhecem-se para já as causas do incêndio. O incêndio foi circunscrito de madrugada, mas pode demorar algumas horas a ser dominado.

  • Duas execução no mesmo dia pela primeira vez em 17 anos nos EUA

    Mundo

    O estado norte-americano do Arkansas (sul) executou, na noite de segunda-feira, dois condenados à morte, o que sucede pela primeira vez em 17 anos no país, anunciou a procuradora-geral daquele estado. Jack Jones e Marcel Williams, condenados separadamente na década de 1990 à pena capital por violação e assassínio, receberam uma injeção letal depois de diferentes tribunais terem rejeitado os respetivos recursos, afirmou Leslie Rutledge, em comunicado.