sicnot

Perfil

Avião desaparecido

Avião desaparecido

Voo MH370

Boeing alvo de ação judicial nos EUA devido ao desaparecimento do MH370

A família de um passageiro do avião da Malaysia Airlines desparecido faz hoje dois anos apresentou uma ação judicial contra a Boeing, naquele que se acredita ser o primeiro processo nos EUA relativo ao caso a visar a empresa.

© Olivia Harris / Reuters

A ação foi interposta, na semana passada, em Chicago, onde fica a sede da Boeing, em nome de um passageiro do MH370 e cidadão norte-americano Philip Wood.

Na ação alega-se que o Boeing 777 operado pela Malaysia Airlines era defeituoso, pedindo-se que o tribunal determine uma indemnização, de acordo com uma cópia da queixa, citada hoje pela agência AFP.

O processo contra a Boeing refere que o desaparecimento do avião deve-se em parte à falta de "tecnologias alternativas razoáveis já disponíveis que teriam permitido que a localização precisa do avião da Boeing fosse monitorizada em tempo real em qualquer lugar do planeta".

Também refere que o fracasso em encontrar o local onde a aeronave se despenhou indica que a Boeing equipou as caixas negras com transmissores de sinais "ineficazes".

"A conclusão razoável que se pode retirar de todas as provas disponíveis é a de que o desaparecimento do voo MH370 foi resultado de um ou mais defeitos no fabrico ou conceção do avião da Boeing", refere a queixa.

Hoje cumprem-se dois anos desde o desaparecimento do avião da Malaysia Airlines que fazia a rota entre Kuala Lumpur e Pequim, que transportava 239 pessoas a bordo.

O segundo aniversário é o prazo final para a apresentação de processos na justiça contra a companhia aérea e nos últimos dias deram entrada mais de 100 ações em tribunais nos Estados Unidos, Malásia, China ou Austrália.

Lusa

  • Bomba encontrada na Nazaré pode ter sido largada durante 2.ª Guerra Mundial
    2:26

    País

    A bomba que esta segunda-feira veio nas redes de um arrastão na Nazaré já foi detonada. O engenho explosivo foi identificado como uma bomba de avião por especialistas da Marinha, que eliminaram também o perigo equivalente a 600 quilogramas de TNT. A bomba sem qualquer inscrição tinha um desgaste evidente e, segundo a Marinha, pode ter sido largada de um avião durante a 2.ª Guerra Mundial.

  • Derrocada de muro em Lisboa obriga à retirada de 40 pessoas de 5 prédios
    2:14

    País

    Os moradores de três prédios de Lisboa não podem regressar tão cedo a casa. Durante a madrugada, a derrocada de um muro obrigou à retirada de 40 pessoas de cinco edifícios. Um dos inquilinos sofreu ferimentos ligeiros. Entretanto, a maioria dos residentes já foi realojada em casas de familiares e num hotel.

  • "Geringonça" elogiada na Europa e EUA
    4:22

    País

    Num momento em que por cá se fala de claustrofobia democrática, a Europa e os Estados Unidos desdobram-se em elogios ao sucesso da maioria de Esquerda em Portugal. A palavra "geringonça" já tem até tradução em várias línguas.

  • ONU estima que mais 750 mil civis estejam em risco na cidade de Mossul
    1:39

    Mundo

    As Nações Unidas estimam que mais 750 mil civis estejam em risco na zona ocidental de Mossul, no Iraque. Mais de 10 mil pessoas fugiram da zona ocidental da cidade nos últimos quatro dias. Enquanto a população tenta escapar ao fogo cruzado, as forças iraquianas avançam sobre a cidade ainda controlada pelo Daesh.