sicnot

Perfil

Mundo

Avião Solar aterrou em Omã e completou primeira etapa da sua digressão mundial

O avião Solar Impulse 2 (SI2) aterrou hoje sem incidentes no sultanato de Omã, completando a primeira etapa de uma tentativa de dar a volta ao mundo sem utilizar combustível.  

© Ahmed Jadallah / Reuters

O avião experimental, com quatro motores a hélice movidos a energia elétrica produzida por painéis solares instalados nas asas, partiu às 07:12 (03:12 em Lisboa) de Abu Dhabi, capital dos Emirados Árabes Unidos, e chegou às 20:14 (16:14 em Lisboa) a Muscate, capital de Omã.  

O suíço André Borschberg esteve aos comandos da aeronave nesta primeira etapa, um voo de cerca de 13 horas para uma distância de cerca 400 quilómetros, cabendo ao seu compatriota Bertrand Piccard pilotar o avião na segunda etapa, prevista para terça-feira entre Muscate e Ahmedabad, na Índia.  

O SI é alimentado por mais de 17.000 células solares que revestem as suas asas de 72 metros, mais compridas que as de um Boeing 747 e quase tão compridas como as do gigante Airbus A380 mas, por ser concebido em fibra de carbono, pesa apenas 2,5 toneladas, menos de 1% do peso de um A380. 

A volta ao mundo do avião experimental, com 12 etapas programadas - incluindo uma etapa de cinco dias e cinco noites consecutivas de voo para atravessar o oceano Pacífico, da China até ao Hawai - é o culminar de 12 anos de investigação realizada por André Borschberg e Bertrand Piccard que, além da exploração científica, procuram transmitir uma mensagem política.  

"Queremos partilhar a nossa visão de um futuro mais limpo", disse Piccard antes da partida do avião, sublinhando que esta missão visa contribuir para a luta contra o aquecimento global através da promoção de "novas tecnologias verdes".


Lusa
  • O perfil do novo herói do surf português
    3:43
  • "Temos de melhorar o sistema de prevenção e combate dos incêndios"
    18:07

    País

    O ministro da Agricultura, Luís Capoulas Santos, foi convidado da Edição da Noite da SIC Notícias, desta quinta-feira. Em análise esteve o chumbo do PCP na criação de um banco nacional de terras, a reforma da floresta em Portugal, as falhas no sistema de comunicação do SIRESP, a lei da rolha nos bombeiros, a seca no país e ainda a pesca da sardinha, que poderá vir a ser proibida durante 15 anos. 

    Entrevista SIC Notícias

  • CGTP acusa PT de ilegalidades no dia da greve
    0:46

    Economia

    A CGTP pede a intervenção do Governo na PT. Esta quinta-feira, na SIC Notícias, Arménio Carlos acusou a empresa de estar a cometer mais uma ilegalidade, ao ter requisitado trabalhadores para cumprir serviços mínimos uma semana antes do permitido por lei.

  • Altice responde a António Costa
    1:33

    Economia

    A Altice respondeu ao Governo, na sequência das críticas de António Costa, lamentando que Portugal não reconheça a importância dos investimentos que o grupo faz no país. A dona da PT inaugurou esta quinta-feira um novo call center em Vieira do Minho e, na sexta-feira, está marcada uma greve geral dos trabalhadores da PT.

  • Protesto dos enfermeiros é "ilegal"
    2:37
  • O que resta do navio de salvamento mais famoso de Portugal?
    15:26

    Aqui há História

    Os baixios da barra do Tejo já foram cemitério de centenas de embarcações. Uma delas foi o Patrão Lopes, o navio de salvamento que saía para o mar quando todos fugiam das tempestades. Foram cinco dias em agonia até naufragar no Bugio, num caso que acabou na barra do tribunal. 80 anos depois, a SIC mergulhou no Patrão Lopes porque "Aqui Há História".

  • Sismo de magnitude 6.9 na Turquia

    Mundo

    Um forte sismo com magnitude 6.9 na escala de Richter fez-se sentir esta quinta-feira a sul da cidade turca de Bodrum. A informação foi avançada pela agência norte-americana de Geologia.