sicnot

Perfil

Mundo

Supremo Tribunal de Itália iliba Silvio Berlusconi no "caso Ruby"

O Supremo Tribunal de Itália confirmou hoje a absolvição, em sede de recurso, do ex-primeiro-ministro Silvio Berlusconi, pelo suposto abuso de poder e incitação à prostituição de menores no "Caso Ruby".

© Tony Gentile / Reuters

O Supremo confirmou assim a sentença de absolvição ditada na segunda instancia pelo Tribunal de Recurso de Milão, em julho de 2014, da qual recorreu a acusação em novembro passado.

Berlusconi, que já cumpriu uma pena de um ano de serviço comunitário por fraude fiscal no "caso Mediaset", foi condenado em primeira instância pelo Tribunal de Milão em 2013 no "caso Ruby", a sete anos de prisão, aos quais se juntava a proibição de voltar a exercer um cargo público.

O Tribunal considerou-o culpado, em junho de 2013, de manter relações sexuais com a jovem marroquina Karima El Marough, de apelido Ruby, quando esta ainda não tinha ainda 18 anos.

Berlusconi foi ainda acusado de abuso de poder, porque segundo a Justiça milanesa terá feito uso da sua posição política ao fazer um telefonema a uma comissária de Milão a pedir que Ruby, que fora detida por roubo, fosse posta em liberdade.

Após quase 10 horas os magistrados do Supremo decidiram concordar com a decisão do Tribunal de Recurso milanês, que determinou que Berlusconi não tinha que saber na altura que a jovem era menor de idade.

A sentença põe fim a uma longa saga judicial e deixa também aberta a porta para que Berlusconi, de 78 anos, possa voltar à vida política.








Lusa
  • "Se me pergunta se estou de consciência tranquila, estou"
    2:13

    País

    O ministro Vieira da Silva assegura que aguarda com tranquilidade que a investigação em curso esclareça as alegadas irregularidades na associação Raríssimas. Alguns mecenas estão já a suspender o apoio, na sequência do escândalo que já levou a duas demissões. 

  • Novo regime dos recibos verdes "acaba com as injustiças dos escalões"
    1:10
  • Brinquedos tecnológicos para oferecer no Natal
    5:33
  • Aniversário de Marcelo passado nas comemorações dos 700 anos da Marinha
    1:45

    País

    O Presidente da República defende que é preciso continuar a investir na Armada, nas pessoas, nas capacidades e no apoio de retaguarda. No dia em que fez 69 anos, Marcelo Rebelo de Sousa esteve nas comemorações dos 700 da Marinha, onde sublinhou os sete séculos de conquistas e de combates navais.

  • Costa anuncia reunião sobre neutralidade carbónica em fevereiro
    2:03

    País

    O Presidente francês defende que é preciso ir mais longe e mais rápido na luta contra as alteração climáticas, numa resposta à decisão de Donald Trump de retirar os EUA do Acordo de Paris. Em fevereiro, será a vez de Portugal organizar uma reunião sobre energia e transportes.