sicnot

Perfil

Mundo

Não há sobreviventes da queda do A320 nos Alpes

 O secretário de Estado dos Transportes de França, Alain Vidalies, afirmou hoje que "não há nenhum sobrevivente" entre os 148 ocupantes do avião que hoje se despenhou nos Alpes franceses.

© Stringer . / Reuters

A maioria dos 142 passageiros eram cidadãos alemães que regressavam à Alemanha depois de férias em Barcelona e Palma de Maiorca, segundo trabalhadores da Swissport, a empresa de 'handling' que trabalha para a companhia alemã.



Pelo menos 45 passageiros tinham apelido espanhol, segundo o gabinete de crise do governo de Madrid.



"Houve um pedido de ajuda registado às 10:47 (09:47 em Lisboa), que mostrava que o avião estava a 5.000 pés (1.524 metros), numa situação anormal", disse o secretário de Estado, acrescentando que o acidente ocorreu "pouco depois" desse sinal.



O avião, um Airbus A-320 da companhia GermanWings, a filial de baixo custo da companhia alemã Lufthansa, despenhou-se perto de Barcelonnette, cerca de 100 quilómetros a norte de Nice, no sul de França.



Lusa
  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.

  • 700 milhões para armamento e equipamento militar
    1:16

    País

    Portugal vai investir nos próximos anos 700 milhões de euros em armas e equipamento militar. Segundo a imprensa de hoje, o objetivo é colocar algumas áreas das Forças Armadas a um nível similar ao dos outros aliados da NATO. É o maior volume de programas de aquisição dos últimos anos e parte das verbas vão beneficiar a indústria portuguesa que fabrica aviões, navios-patrulha, rádios e sistemas de comando e controlo.

  • Princesa Diana morreu há 20 anos. Filhos falam pela 1ª vez da intimidade
    1:15