sicnot

Perfil

Mundo

Tropas da Somália controlam hotel onde extremistas mataram 14 pessoas

As tropas somalis controlaram este sábado o hotel de Mogadíscio, ocupado por extremistas, onde 14 pessoas morreram e 28 ficaram feridas. Entre as vítimas mortais está o embaixador suiço na Somália, Yusuf Bari-Bari.  

O ataque foi já reivinidcado pelo Al-Shabab. O grupo extremista, ligado à Al- Qaeda, responsável por vários ataques, controlou a capital do país entre 2007 e 2011. (Arquivo)

O ataque foi já reivinidcado pelo Al-Shabab. O grupo extremista, ligado à Al- Qaeda, responsável por vários ataques, controlou a capital do país entre 2007 e 2011. (Arquivo)

© Feisal Omar / Reuters

Na sexta-feira, um homem armado tinha entrado no hotel ocupando o 3º e 4º pisos do edifício, durante 12 horas. Antes, um outro tinha detonado um carro junto à porta do hotel.

O ataque foi já reivinidcado pelo Al-Shabab. O grupo extremista, ligado à Al- Qaeda, responsável por vários ataques, controlou a capital do país entre 2007 e 2011. 
  • Família perde tudo na aldeia de Queirã
    2:32
  • Temperaturas sobem no fim de semana, risco de incêndio aumenta
    1:08

    País

    A chuva que caiu nos últimos dias não deverá ter impactos relevantes na dominuição da seca e, por isso, o risco de incêndios vai voltar a aumentar com nova subida das temperaturas. Os termómetros podem chegar aos 30 graus entre domingo e quarta-feira.

  • Não me parece o melhor princípio político, mas percebo que António Costa queira ter junto de si, sobretudo em tempos difíceis, os mais próximos. Os homens de confiança pessoal e política. Em plena tempestade, o primeiro-ministro chamou dois amigos de longa data, ex-colegas da Faculdade de Direito, Eduardo Cabrita e Pedro Siza Vieira. E eles não disseram que não.

    Bernardo Ferrão