sicnot

Perfil

Mundo

Forças especiais francesas libertam no Mali holandês sequestrado em 2011

As forças especiais francesas libertaram hoje, no norte do Mali, o refém holandês Sjaak Rijke, sequestrado pela Al-Qaeda no Magrebe Islâmico (AQMI) em novembro de 2011, tendo capturado vários terroristas, indicou o Ministério da Defesa francês. 

Soldado francês no Mali.

Soldado francês no Mali.

© Joe Penney / Reuters

A operação decorreu pelas 04:00 TMG (05:00 em Lisboa) no "extremo norte" do Mali e Rijke encontra-se "são e salvo" na base de Tessalit, posto avançado da operação 'Barkhane' das forças franceses no país, de acordo com um comunicado do ministério. 

O holandês foi sequestrado em 25 de novembro de 2011 em Tumbuctu. 

Em finais do ano passado, surgiu num vídeo junto ao francês Serge Lazaveric, libertado em novembro passado, num ponto da fronteira entre o Mali e o Níger. 

"A libertação de Rijke lembra a determinação sem descanso de França na luta contra os grupos terroristas armados na região do Sahel", segundo o ministério. 

No último ano, 500 militares holandeses participam na estabilização e segurança do Mali, no âmbito da Missão Multidimensão Integrada da ONU para a Estabilização do Mali (MINUSMA). 

O ministro da Defesa francês, Jean-Yves Le Drian, informou já a homóloga holandesa, Jeanine Hennis-Plasschaert, referiu o comunicado. 

"A França vai prosseguir as ações antiterroristas no Sahel enquanto a nossa segurança for ameaçada por estes grupos", indicou Drian, citado no mesmo comunicado.

O ministro enviou uma mensagem de felicitações às forças francesas e as de cinco outros países que têm contingentes destacados na operação 'Barkhane", num total de três mil efetivos. 


Lusa
  • Criança de 2 anos desaparecida em Sintra

    País

    As autoridades estão este domingo a fazer buscas na zona do bairro de Santa Marta, em Casal de Cambra, Sintra, na sequência do alerta do desaparecimento de uma criança de dois anos, segundo fonte da PSP.

  • Fotografia que junta miss Israel e miss Iraque gera polémica
    1:28

    Mundo

    As candidatas a Miss Universo já se começaram a juntar em Las Vegas, nos Estados Unidos, onde irá decorrer a cerimónia, no próximo fim de semana. Um evento que já está a dar que falar e tudo por causa de uma fotografia, que junta as misses do Iraque e de Israel.