sicnot

Perfil

Mundo

Flavonoides do cacau podem atrasar progressão de diabetes tipo 2

Os flavonoides do cacau podem ajudar a atrasar a progressão da diabetes tipo 2, ao travar a perda de massa e função das células beta do pâncreas causada por esta doença, segundo um estudo divulgado esta terça-feira.

Os resultados mostram que os ratos alimentados com uma dieta rica em cacau durante a fase pré-diabética (entre as seis e as 15 semanas de vida) são capazes de diminuir os seus níveis de hiperglicemia. (Arquivo)

Os resultados mostram que os ratos alimentados com uma dieta rica em cacau durante a fase pré-diabética (entre as seis e as 15 semanas de vida) são capazes de diminuir os seus níveis de hiperglicemia. (Arquivo)

© Thierry Gouegnon / Reuters

Esta é a principal conclusão dos autores do estudo, membros do Conselho Superior de Investigações Científicas (CSIC), que demonstra pela primeira vez o potencial efeito antidiabético num modelo animal 'in vivo'.

Os resultados do trabalho, realizado em colaboração com a Universidade Complutense de Madrid e o Centro de Investigação Biomédica em Rede de Diabetes e Doenças Metabólicas Associadas (CIBERDEM) do Instituto de Saúde Carlos III, foram publicados na revista Molecular Nutrition and Food Research.

Em comunicado citado pela agência noticiosa espanhola Efe, o CSIC recorda que o cacau é um alimento rico em compostos bioativos como os flavonoides, com propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias.

Recentemente, provou-se em cultura de células que os flavonoides do cacau possuem efeitos antidiabéticos ao promoverem a funcionalidade e a sobrevivência das células beta do pâncreas.

Os resultados mostram que os ratos alimentados com uma dieta rica em cacau durante a fase pré-diabética (entre as seis e as 15 semanas de vida) são capazes de diminuir os seus níveis de hiperglicemia.

Também melhoram a sensibilidade à insulina e desaceleram a perda de massa e o funcionamento das células beta pancreáticas.

Além disso, apresentam um aumento da atividade das defesas antioxidantes do pâncreas, que serve para melhorar a situação do stresse oxidativo e morte celular do estado pré-diabético.

Segundo os autores do estudo, são necessárias mais investigações que permitam definir a real dimensão destes benefícios e, sobretudo, esclarecer os seus mecanismos de ação.
  • Chá branco evita a progressão da diabetes e previne complicações cardíacas
    2:47

    País

    Na Covilhã, um grupo de investigadores da Faculdade de Ciências da Saúde comprovou que o consumo regular de chá branco é eficaz na prevenção do acidente vascular cerebral e nas complicações cardíacas associadas à pré-diabetes. Beber chá branco com regularidade não faz milagres mas pode fazer a diferença no combate a doenças crónicas,por isso o trabalho deste grupo de investigadores não fica por aqui, o estudo vai continuar com a análise dos efeitos da planta noutras doenças como o Alzheimer.

  • O que o mundo diz sobre o busto de Cristiano Ronaldo

    Desporto

    O Aeroporto Cristiano Ronaldo foi inaugurado esta quarta-feira. A notícia foi dada pelos meios de comunicação de todo o mundo, que não deixaram passar o busto do jogador português, apresentado pelo próprio. A estátua foi amplamente comentada e analisada, com palavras como "terrível", "duvidoso" e "bizarro".

    Ana Rute Carvalho

  • Mulher detida ao tentar atropelar polícias junto ao Capitólio, em Washington

    Mundo

    Agentes da polícia abriram fogo contra uma mulher (e não um homem, ao contrário do que inicialmente se disse) que conduzia um carro perto do Capitólio e tentava atropelá-los, segundo o Departamento da Polícia Metropolitana de Washington. A mulher foi detida mas a polícia garante que não se tratou de um ato terrorista.

  • A rã que brilha no escuro
    2:08
  • Indonésio encontrado dentro de cobra pitão

    Mundo

    Akbar Salubiro, de 25 anos, esteve perto de 24 horas desaparecido na remota ilha indonésia de Sulawesi. Acabou por ser encontrado um dia depois, no jardim da própria casa, dentro de uma pitão de 7 metros.