sicnot

Perfil

Mundo

Vulcão na Costa Rica lança rochas em chamas e cinza

O vulcão Turrialba, na Costa Rica, entrou esta terça-feira de madrugada em erupção, lançando rochas em chamas e expelindo uma coluna de cinza que atingiu a capital, situada a 80 quilómetros de distância, indicaram as autoridades.

O vulcão Turrialba, que entrou em atividade na década de 1990 depois de ter estado adormecido durante 130 anos, tem registado um elevado nível de atividade desde 29 de outubro passado, data em que teve uma forte erupção.

O vulcão Turrialba, que entrou em atividade na década de 1990 depois de ter estado adormecido durante 130 anos, tem registado um elevado nível de atividade desde 29 de outubro passado, data em que teve uma forte erupção.

© Juan Carlos Ulate / Reuters

Uma câmara de vigilância apontada para o vulcão captou a erupção, precisou o observatório da Universidade Nacional.

As imagens de vídeo mostram a expulsão de rochas e cinza e a emissão de gás.

No início de março, uma erupção do vulcão, que tem a altura de 3340 metros, obrigou ao encerramento do principal aeroporto da Costa Rica durante quase dois dias.

O vulcão Turrialba, que entrou em atividade na década de 1990 depois de ter estado adormecido durante 130 anos, tem registado um elevado nível de atividade desde 29 de outubro passado, data em que teve uma forte erupção.
Lusa
  • Autarca garante que não houve "touros de fogo"

    País

    O presidente da Câmara de Benavente disse esta segunda-feira à Lusa que a atividade "touros de fogo" foi retirada do programa da Festa da Amizade depois de recebido um parecer desfavorável da Direção-Geral de Veterinária.

  • Presidente do Brasil formalmente acusado de corrupção

    Mundo

    O Procurador-Geral da República do Brasil apresentou na noite de segunda-feira ao Supremo Tribunal Federal uma denúncia contra o Presidente Michel Temer e o ex-deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) pelo crime de corrupção passiva.

  • Reconquista de Mossul ao Daesh pode estar para breve
    1:27
  • Homem fala ao telefone com o filho que pensava estar morto

    Mundo

    Um norte-americano que tinha estado presente no funeral do filho recebeu, 11 dias depois, uma chamada telefónica de um homem que o pôs em contacto... com o filho que havia enterrado semana e meia antes. Tudo por causa de um erro do gabinete de medicina legal.