sicnot

Perfil

Mundo

Disparos de aluno em Barcelona matam professor e ferem várias pessoas

Um professor morreu e pelo menos quatro pessoas ficaram feridas, esta manhã, num instituto de Barcelona, em Espanha. De acordo com o jornal El País, um aluno terá disparado contra uma docente e agredido a sua filha. Nesse momento, um professor de uma aula ao lado terá acorrido à sala e foi atingido mortalmente pelo suspeito.

TONI GARRIGA/ EPA

TONI GARRIGA/ EPA

TONI GARRIGA/ EPA

O incidente ocorreu às 9:20 locais (10:20 em Lisboa) no  Instituto Joan Fuster, próximo da Avenida Meridina, no bairro de La Sagrera. 


O aluno, de 13 anos, foi identificado e retido nas instalações pelas autoridades.  Os serviços de emergência médica enviaram várias equipas para o centro escolar, junto ao qual se concentraram também de imediato dezenas de pessoas, a maioria estudantes.     


Segundo o relato de alguns alunos, o jovem atirador chegou à aula de castelhano com cerca de uma hora de atraso e foi repreendido pela professora.  O aluno disparou primeiro sobre a docente e terá depois agredido a sua filha, também colega de turma. Ao ouvir os gritos o professor que dava aula numa sala ao lado dirigiu-se ao local e foi atingido mortalmente no abdómen.


Os testemunhos dos colegas de turma do agressor estão a ser ouvidos pelas autoridades. De acordo com estes depoimentos, o jovem tinha repetido várias vezes na semana passada que ia matar todos os professores e que depois se iria suicidar. Ao que parece, o jovem tinha mesmo uma lista de 25 docentes que tinha mostrado aos seus colegas que, contudo, não lhe deram importância.



(Em atualização)
  • Leão de Ouro de Souto de Moura faz "muito bem à alma" dos portugueses
    1:53
  • "Sonho com um futuro melhor", o desejo de um jovem sírio em Portugal
    2:12

    País

    Mais de 50 jovens sírios chegaram esta madrugada a Lisboa, para iniciarem o novo ano letivo, em Portugal. Sonham com um futuro melhor. Sonham com uma educação melhor. Os 54 estudantes vieram ao abrigo do programa lançado pelo antigo Presidente da República, Jorge Sampaio, que nos últimos anos já deu uma nova oportunidade a cerca de 200 alunos.

  • Na linha do triunfo
    16:49
  • Chamas do incêndio no Europa Park na Alemanha atingiram os 15 metros de altura
    0:57