sicnot

Perfil

Mundo

Espelho trama detido que tentava cravar na testa 666

Já não é a primeria vez que Nikko Jenkins se auto-mutila. Desta vez fê-lo ao espelho e o resultado ficou "ao contrário". Em vez de 666, Nikko tem cravado na testa algo mais parecido com 999. 

Nikko Jenkins foi condenado à pena de morte pelo assassinato de 4 pessoas em 2013 cravou na testa o ano passado uma suástica.

Nikko Jenkins foi condenado à pena de morte pelo assassinato de 4 pessoas em 2013 cravou na testa o ano passado uma suástica.

Nati Harnik

Nikko Jenkins, 28 anos. Quatro homicídios no curriculum. Enfrenta a pena de morte, e por estes dias, a chacota dos colegas de prisão. 

Tentou "cravar", na testa, o número da besta. Para essa tarefa recorreu a um espelho. O problema é que Jenkins esqueceu-se, ou desconhecia mesmo, o efeito "imagem invertida" que o espelho projeta. 

Ora, em vez de 666 Nikko Jenkins tem escrito na testa o 999 de cabeça para baixo.

Foi, pelo menos, esta a versão  que contou ao juiz do Condado de Douglas, Petter Batallion. Acrescentou ainda que fê-lo a mando de uma entidade suprema: o Deus Serpente.

Esta não é a primeira vez que Nikko Jenkins se auto-mutila. O ano passado, cravou a suástica na testa, como fez Charles Mason, o líder de um grupo que assassinou várias pessoas nos EUA na década de 1960.

Conseguiu atenção mediática e adiar a audiência da pena de morte. Na altura, os médicos acharam que Jenkins sofria de esquizofrenia. A acusação considerou que o arguido estava a mentir para escapar à pena de morte.

Desta vez, Jenkins, não tem como fugir, já que lhe foi negada uma avaliação médica. A pena de morte, essa, vai agendada na próxima audição.

Quanto à defesa de Jenkins. desconhece-se para já se vão usar este episódio para adiar a execução da pena de morte.

  • Outros casos de fuga de prisões portuguesas
    2:58

    País

    Nos últimos cinco anos, 52 reclusos fugiram de cadeias portuguesas, mas foram todos recapturados. Entre 1999 e 2009, fugiram oito reclusos da prisão de Caxias. Em 2005, um homem condenado a 21 anos de prisão fugiu de Coimbra, viajando por França e pela Polónia. Manuel Simões acabou por ser detido no regresso a Portugal.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.