sicnot

Perfil

Mundo

Cerca de 170 pessoas retiradas de ferry em chamas ao largo das Baleares

Cerca de 170 passageiros de um ferry que ligava Palma de Maiorca e Valência (leste de Espanha) foram retirados devido a um incêndio, anunciou hoje a autoridade portuária das ilhas Baleares, dando conta de três feridos ligeiros. 

O ferry Transmediterranea "está a arder e toda a gente foi retirada", indicou também à Agência France Presse o serviço de informações ao cliente da empresa. 

Segundo a conta na rede social de mensagens curtas Twitter da autoridade portuária das Baleares, os cerca de 170 passageiros foram transportados por outros navios e são esperados no porto de Palma de Maiorca por volta das 16:00 TMG (17:00 em Lisboa).

"As primeiras informações dão conta de três feridos ligeiros que serão transportados de helicóptero", informou a autoridade portuária, precisando tratar-se de tripulantes. 

De acordo com o Diario de Mallorca, a embarcação tinha deixado Palma de Maiorca às 11:50 (10:50 em Lisboa) e o incêndio, que terá tido origem na sala dos motores, iniciou-se duas horas mais tarde.

Lusa

  • Advogados de Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático
    2:13

    Operação Marquês

    Os advogados de José Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático e garantem que o antigo primeiro-ministro nunca favoreceu Ricardo Salgado ou o Grupo Espirito Santo. Segundo o Expresso, o presidente da Escom, Helder Bataglia, terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, alegadamente para o amigo José Sócrates.

  • Marcelo diz que é hora de valorizar o poder local
    0:40

    País

    O Presidente da República diz que este é o momento para valorizar o poder local. Sobre a descida da Taxa Social Única, Marcelo Rebelo de Sousa recusou comentar e negou que haja crispação politica entre Governo e oposição.

  • Marine Le Pen diz que Brexit terá efeito dominó na UE
    0:39

    Brexit

    Marine Le Pen diz que o Brexit vai ter um efeito dominó na União Europeia. Durante um congresso da extrema-direita, a líder da Frente Nacional francesa afirmou que a Europa vai despertar este ano em que estão marcadas eleições em vários países, como a Alemanha e a Holanda.