sicnot

Perfil

Mundo

Apreensão recorde de cocaína em Berlim com droga dissimulada em caixas de bananas

Uma importante quantidade de cocaína avaliada em 15 milhões de euros e dissimulada em caixas de bananas distribuídas nos supermercados Aldo foi hoje apreendida em Berlim e arredores, anunciou a polícia. 

© Gary Cameron / Reuters

Os empregados de 14 estabelecimentos desta cadeia de supermercados de baixo preço detetaram o produto nas embalagens provenientes da Colômbia, e que a polícia presume terem sido enviados por acidente para essas lojas.  

"Aparentemente, ocorreu um erro logístico ao longo da linha", disse à agência noticiosa AFP o porta-voz da polícia Stefan Redlich, acrescentando que os investigadores estavam a tentar determinar o seu destino final. 

O mesmo responsável disse ainda que o carregamento de 386 quilos constitui a maior apreensão de cocaína de sempre na história da capital germânica. 

Num caso similar ocorrido em janeiro de 2014, trabalhadores de um supermercado de Berlim descobriram 140 quilos de cocaína avaliada em seis milhões de euros, também escondida em caixas de bananas. 


Lusa

  • Cinco anos depois do incêndio na Serra do Caldeirão
    5:24
  • Destaques económicos que marcaram a semana
    2:03

    Economia

    A semana ficou marcada pela tragédia provocada pelos incêndios no centro do país. No entanto importa olhar para o que se passou noutras áreas e fazer um resumo das notícias relacionadas com a economia. 

  • Martin Schulz ataca Merkel a três meses das legislativas

    Mundo

    O social-democrata alemão Martin Schulz passou este domingo à ofensiva, a três meses das eleições legislativas, ao acusar Angela Merkel de "arrogância" e de sabotar a "democracia", quando as sondagens apontam para uma larga vantagem da chanceler da Alemanha.

  • Martha, a cadela mais feia do mundo
    0:42

    Mundo

    A cadela Martha, de raça mastim napolitano ficou em primeiro lugar na edição anual do concurso que elege os cães mais feios do mundo. A cadela tem três anos, pesa 57 quilos e foi resgatada pela dona quando estava praticamente cega. Acabou por recuperar a visão depois de várias operações. Martha e a dona receberam um prémio de 1.500 dólares e uma viagem a Nova Iorque para marcarem presença em programas de televisão.