sicnot

Perfil

Mundo

Mike Huckabee é sexto republicano a candidatar-se à Presidência dos EUA

 Mike Huckabee, antigo pastor batista, governador e apresentador da cadeia televisiva Fox News, anunciou hoje a sua candidatura à investidura republicana para as eleições presidenciais de 2016 nos EUA, sendo já o sexto candidato deste campo político. 

© Mike Stone / Reuters

"Sou candidato à Presidência dos EUA", disse Huckabee durante um discurso em Hope, no Estado do Arkansas, no sul do país, de onde é natural. 

"O poder, o dinheiro e a influência política deixaram muitos [norte-]americanos com dificuldades", afirmou, adotando um tom populista e antissistema. 

Proclamando a defesa de 90% dos norte-americanos cujos salários, estimou, "estagnam desde há 40 anos", este republicano defendeu o sistema público de pensões, que muitos elementos do seu partido querem privatizar. 

Com 59 anos, apresenta-se como o candidato da América rural e evangélica, criticando os casamentos entre pessoas do mesmo sexo como uma "penalização da religião cristã". 

Depois de ter sido governador do Estado do Arkansas de 1996 a 2007, candidatou-se às eleições primárias de 2008. Apesar de ter ganho nos Estados dos Iowa e outros sulistas, acabou derrotado pelo senador John McCain, que foi o investido pelos republicanos para enfrentar Barack Obama. 

Nos seis anos e meio seguintes esteve na Fox News a apresentar um programa semanal, até janeiro. 

Apesar da sua grande visibilidade mediática, as suas hipóteses de vencer parecem débeis. Uma sondagem publicada hoje, do Wall Street Journal/NBC News, atribuiu-lhe 5% do voto republicano, bem atrás de Jeb Bush (23%), apesar de este ainda não se ter declarado candidato. 

Os outros candidatos oficiais às eleições primárias republicanas são, pela ordem cronológica da declaração, os senadores pelos Estados do Texas, Ted Cruz, do Kentucky, Rand Paul, e da Florida, Marco Rubio, o ex-cirurgião Ben Carson e a antiga presidente da Hewlett-Packard Carly Fiorina.

Espera-se ainda a apresentação da candidatura de Jeb Bush, antigo governador da Florida irmão e filho dos ex-presidentes George W. Bush e George H. W. Bush.

Do lado dos democratas, já se declararam a antiga secretária de Estado Hillary Clinton e o senador pelo Estado do Vermont Bernie Sanders.


Lusa
  • Presidente da Proteção Civil demitiu-se

    País

    O Presidente da Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC), Joaquim Leitão, pediu esta quarta-feira a demissão com efeitos imediatos. A carta de demissão foi enviada para o Ministério da Administração Interna, no entanto, uma vez que a ministra também se demitiu, o documento seguiu para o gabinete do primeiro-ministro, António Costa.

  • Casas de Luís Filipe Vieira e Pedro Guerra foram alvo de buscas
    2:39

    Desporto

    O caso dos emails levou esta quinta-feira a Polícia Judiciária a fazer buscas no Estádio da Luz e nas casas de Luís Filipe Vieira, o comentador Pedro Guerra e Paulo Gonçalves, o assessor jurídico do clube das águias. O advogado foi constituído arguido, mas só porque um advogado para ser alvo de buscas precisa de ser arguido.

  • Buscas no Benfica? "A Justiça está a funcionar"
    0:18

    Desporto

    Bruno de Carvalho reagiu esta quinta-feira às buscas efetuadas no Benfica. À saída de uma audiência no Ministério da Educação, o presidente do Sporting abordou o tema para dizer que é sinal de que a justiça está a funcionar.

  • Este foi provavelmente o melhor golo da noite de Liga Europa
    1:24
  • Vitória de Guimarães mais longe dos 16 avos de final
    1:48
  • Quem está ao lado de Trump? Melania ou uma sósia?

    Mundo

    A especulação surgiu no Twitter: estaria Trump acompanhado de uma sósia de Melania para ocultar a ausência da mulher num evento oficial? A teoria da conspiração ganhou depois força nas redes sociais. Julgue por si mesmo.

    SIC

  • Norte-americano entrega-se após perder aposta com a polícia no Facebook

    Mundo

    Um jovem de 21 anos procurado pela polícia norte-americana entregou-se, esta segunda-feira, depois de perder uma aposta com a polícia, no Facebook. Michael Zaydel prometeu entregar-se se uma publicação sobre o seu desaparecimento chegasse às mil partilhas, na rede social. O jovem norte-americano prometeu ainda levar uma dúzia de donuts, caso os agentes da cidade de Redford conseguissem ganhar a aposta.

    SIC