sicnot

Perfil

Mundo

Aeroporto de Fiumicino em Roma encerrado devido a incêndio

Um vasto incêndio deflagrou hoje no terminal 3 do aeroporto de Fiumicino, na capital italiana, levando ao encerramento e suspensão dos voos pelo menos até às 14:00 (13:00 em Lisboa), anunciou a sociedade de aeroportos de Roma.

© Tony Gentile / Reuters

Quando o fogo começou, pelas 5:00 (4:00 em Lisboa), o terminal encontrava-se vazio, não havendo registo de qualquer vítima ou ferido, apesar de alguns funcionários terem sofrido de intoxicação por inalação de fumo.


A área para onde foram destacados dezenas de bombeiros foi isolada, numa altura em que ainda são desconhecidas as origens do incêndio, entretanto extinto.


Todos os voos foram cancelados, tendo sido, no entanto, autorizadas as chegadas de 13 voos intercontinentais, indicou a sociedade que gere a infraestrutura.


O aeroporto encontra-se interdito, tendo também sido suspensa a circulação de comboios com destino a Fiumicino, bem como as estradas de acesso.


Segundo fontes aeroportuárias, o incêndio causou danos significativos no terminal 3, embora não tenha afetado a zona de controlo de segurança.



Lusa
  • Porque é que Melania e Ivanka vestiram preto para conhecer o Papa

    Mundo

    Melania e Ivanka chegaram ao Vaticano de preto, uma escolha muito questionada. De vestidos longos e véus, as mulheres Trump seguiram assim o dress code aconselhado nas audiências com o Papa. Também Michelle Obama usou uma vestimenta do género, em 2009, quando visitou Bento XVI.

  • Escola de Vagos castiga alunos por protesto contra a homofobia e preconceito

    País

    Os alunos da Escola Secundária de Vagos, no distrito de Aveiro, organizaram um protesto contra o que consideram homofobia e preconceito. Segunda-feira, depois de duas alunas se terem beijado foram chamadas à direção da escola, que as terá informado que não podiam beijar-se em público. O protesto foi gravado e partilhado nas redes sociais. Em declarações à SIC Notícias, um dos alunos disse que todos os envolvidos no protesto vão ser alvos de um processo disciplinar. O Bloco de Esquerda já pediu esclarecimentos ao Ministério da Educação.

    EXCLUSIVO

    Rita Pedras