sicnot

Perfil

Mundo

Indonésia desmantela rede de prostituição com artistas famosas

A polícia da Indonésia está a investigar uma rede de prostituição ilegal que desmantelou esta semana e que oferecia, através da Internet, serviços com artistas de cinema e da televisão famosas.

(Reuters/Arquivo)

(Reuters/Arquivo)

© Sigit Pamungkas / Reuters

O presumível 'cérebro' da operação, um indonésio identificado como Obbie, foi detido na sexta-feira em Jacarta, de acordo com fontes policiais citadas pelo jornal Republika.

À frente do negócio estava uma mulher - também indonésia -, à qual foi apreendida uma agenda com nomes de 200 artistas.

As operações desenrolavam-se sobretudo em hotéis de luxo da capital, com os clientes a serem contactados através de aplicações de Internet para telemóveis.

A polícia também deteve uma protagonista de telenovelas na passada sexta-feira num hotel que acabara de cobrar a um cliente 7.700 dólares (6.872 euros) por três horas na sua companhia.

A lei indonésia não reconhece a prostituição, tipificando apenas os "delitos contra a decência e a moralidade", pelo que a sanção a aplicar depende do critério das autoridades e a prática encontra-se muito estendida pelo arquipélago.



Lusa
  • Como não perder Barack e Michelle Obama nas redes sociais

    Mundo

    Sair da Casa Branca implica mais que reunir objetos físicos: é preciso guardar também os tweets, os posts e todo o conteúdo digital produzido nos últimos oito anos pelo Presidente dos EUA e pela primeira-dama. A equipa de Barack Obama já preparou tudo para que nada se perca do seu legado digital.

  • Portugueses querem contratar Obama

    Mundo

    Contratar Barack Obama. Pode parecer uma tarefa impossível, mas para a startup portuguesa Swonkie a única resposta a este desafio é "Yes We Can", mote da campanha presidencial de Obama de há nove anos.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.