sicnot

Perfil

Mundo

Barco de pesca com 200 migrantes a bordo detetado ao largo de Creta

A polícia portuária grega anunciou esta terça-feira ter detetado um barco de pesca, com 200 migrantes a bordo, ao largo da ilha de Creta, no sul da Grécia.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Ismail Zetouni / Reuters

"A embarcação foi descoberta por um barco patrulha e deverá ser escoltada até ao porto de Palaiohora" no sudoeste da ilha, de acordo com um responsável do gabinete de imprensa da guarda costeira, citado pela Agência France Presse.

Não foi facultada informação acerca da origem dos migrantes, que, assegurou a mesma fonte, estão fora de perigo.

A Grécia é um dos principais portos de entrada de migrantes originários de países da Ásia e de África, que têm como destino a Europa ocidental.

Desde o início do ano, o número deste tipo de migrantes aumentou consideravelmente. Em abril, 13.500 migrantes entraram na Grécia - 58% sírios e 21% afegãos -, o que representa um aumento de 870% em relação ao mesmo mês do ano anterior, segundo dados divulgados hoje pela delegação grega do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR).
Lusa
  • Comitiva portuguesa terminou visita à central de Almaraz

    País

    A visita técnica das delegações portuguesa e da Comissão Europeia à central nuclear de Almaraz, em Espanha, esta segunda-feira, já terminou. A visita começou por volta das 9h00, hora de Lisboa, e serviu para Portugal se inteirar sobre o funcionamento da central e sobre o projeto de construção de uma instalação para armazenamento de resíduos radioativos.

  • O Nokia 3310 está de volta
    1:16

    Economia

    A Nokia chegou a ser uma das maiores empresas do mundo devido ao fabrico de telemóveis. Caiu, mas acaba de fazer renascer um dos sucessos de vendas do início do milénio. O anúncio foi feito este domingo, em Barcelona.