sicnot

Perfil

Mundo

Marroquino queima a mulher viva por esta lhe negar um segundo casamento

Um marroquino foi condenado a prisão perpétua por um tribunal de Tânger por ter queimado viva a sua mulher, que lhe negava o direito a casar-se com uma segunda mulher, noticia hoje a imprensa local.

© Rafael Marchante / Reuters

Segundo o diário Ajbar al Yawm, o crime aconteceu no passado dia 21 de janeiro em Alcácer Quibir, entre Tânger e Rabat, mas a sentença só foi ditada na passada quinta-feira. 

O homem, de 33 anos, prendeu a esposa, de 30 anos, e pegou fogo à casa, ignorando os seus gritos de auxílio enquanto a casa ardia. No entanto, retirou os seus três filhos da habitação.

Foi o filho mais velho, de 12 anos, quem denunciou à polícia que o incêndio foi intencional.

Mais tarde, familiares explicaram que o homem pretendia casar-se com uma segunda mulher, algo que é permitido por lei sempre que a primeira mulher assim o aceite, algo que neste caso foi recusado categoricamente.

Inicialmente, o homem tentou pedir o divórcio, mas face aos elevados custos que teria de suportar, desistiu desta via e começou a infligir maus-tratos à mulher, para a pressionar a ser ela a pedir e divórcio, o que a privaria de grande parte dos seus direitos económicos por ser a iniciadora do processo.   

A poligamia é pouco comum em Marrocos, registando-se em 0,3% dos matrimónios, mas ultimamente tem gerado controvérsia, depois de ter sido tornado público que dois ministros islamitas do Governo de Abdelilah Benkirán são bígamos, uma prática considera um "direito corânico", por estar consagrado no Alcorão. 

  • Vem lá chuva

    País

    A chuva vai voltar a Portugal continental a partir de quarta-feira e pelo menos até domingo, enquanto as temperaturas mínimas deverão subir.

  • "O Sporting é o um barco à deriva"
    2:26
    O Dia Seguinte

    O Dia Seguinte

    2ªFEIRA 21:50

    A crise do Sporting foi o principal tema em O Dia Seguinte, esta segunda-feira. José Guilherme Aguiar censura Bruno de Carvalho por ter convidado Jorge Jesus para a comissão de honra da recandidatura. Já Rogério Alves não tem dúvidas que a contestação tem aumentado de tom devido à proximidade das eleições do Sporting. Rui Gomes da Silva pensa que toda a direção leonina é responsável pelo mau momento atual do clube.

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Violação emitida em direto no Facebook

    Mundo

    Três homens foram detidos na Suécia, por suspeitas de violação de uma mulher, num apartamento a 70 quilómetros da capital. Os suspeitos filmaram o ato de violência e exibiram-no em direto no Facebook.

  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.