sicnot

Perfil

Mundo

Referendo sobre casamento homossexual hoje na Irlanda

Pouco mais de três milhões de eleitores irlandeses são hoje chamados às urnas para decidirem se aceitam a legalização ou não do casamento entre pessoas do mesmo sexo. 

© Cathal McNaughton / Reuters

No referendo de hoje, os irlandeses terão de responder se aceitam que um "casamento pode ser contraído de acordo com a lei por duas pessoas sem distinção de sexo".  

Em caso de aprovação, a Irlanda torna-se no primeiro país do mundo a legalizar o casamento homossexual através de uma consulta pública.  

Em julho de 2010, a República da Irlanda ratificou a lei das relações civis, que concede o reconhecimento legal de casais do mesmo sexo que vivem em união de facto. 

Em outros países europeus, como é o caso da Alemanha, as autoridades anunciaram que pretendem aumentar os direitos dos casais homossexuais, descartando, no entanto, uma eventual equiparação com os casais heterossexuais, incluindo a questão do casamento. 

Até à data, 18 países no mundo, incluindo Portugal, legalizaram o matrimónio civil entre pessoas do mesmo sexo.  

A Assembleia da República aprovou a 08 de janeiro de 2010 o acesso ao casamento civil entre pessoas do mesmo sexo em Portugal, com exclusão da adoção. O casamento civil entre pessoas do mesmo sexo em Portugal entrou em vigor a 05 de junho do mesmo ano, tendo ocorrido o primeiro no dia 07 de junho.  

Holanda, Bélgica, Espanha, Canadá, África do Sul, Noruega, Suécia, Islândia, Argentina, Dinamarca, França, Brasil, Uruguai, Nova Zelândia, Reino Unido, Luxemburgo e Finlândia são os restantes países que integram esta lista. 



Lusa

 
 

 
 

 

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.