sicnot

Perfil

Mundo

Irlanda diz "Sim" à legalização do casamento homossexual

Galeria de fotos

A Irlanda vai legalizar o casamento homossexual. A esmagadora maioria dos eleitores, que esta sexta-feira votaram em referendo, disseram "sim" às uniões de pessoas do mesmo sexo.

AIDAN CRAWLEY

© Darren Staples / Reuters

© Darren Staples / Reuters

© Darren Staples / Reuters

© Darren Staples / Reuters

© Darren Staples / Reuters

© Darren Staples / Reuters

Nesta altura, em que se aguarda o anúncio dos resultados oficiais, em Dublin, é já certa a vitória do "sim".

O primeiro-ministro Enda Kenny, um católico conservador, disse que o país deu um exemplo de liderança e democracia ao referendar esta matéria.

As celebrações na capital irlandesa saíram às ruas desde que logo cedo, neste sábado, a contagem dos votos apontava para uma margem confortável.
 
A campanha do "não" assumiu a derrota ainda durante a manhã e o líder do partido Sinn Fein, Gerry Adams, considerou a decisão histórica.
  • "Não há um verdadeiro debate democrático em Espanha"
    2:24
    Quadratura do Círculo

    Quadratura do Círculo

    QUINTA-FEIRA 23:00

    No Quadratura do Círculo desta quinta-feira, José Pacheco Pereira disse que este braço de ferro em território espanhol reforça a linha autoritária que existe em Espanha. Jorge Coelho considera que é urgente recorrer à diplomacia para definir um caminho a médio ou a longo prazo. Já o gestor Manuel Queiró afirma que Portugal não deve encarar este referendo com condescendência. 

  • O que separa a Catalunha do resto de Espanha?
    2:12

    Mundo

    Desde 1640, as revoltas catalãs representam a vontade pela distância e pela independência. Numa região que não é reconhecida formalmente como Nação, na Catalunha entende-se e fala-se mais castelhano do que catalão. Mas o que realmente separa a Catalunha do resto de Espanha?

  • A corrida ao iPhone 8 no Japão, China e Austrália
    2:04
  • Óculos inteligentes permitem controlar telemóvel com o nariz
    1:05
  • Defesa de Sócrates diz que junção do caso Rio Forte à Operação Marquês é ilegal
    0:50

    Operação Marquês

    A defesa de José Sócrates diz que a junção do caso Rio Forte à Operação Marquês é ilegal. A aplicação de 900 milhões de euros da PT no BES foi anexada ao processo, por suspeita de luvas pagas por Ricardo Salgado a Zeinal Bava e Henrique Granadeiro, também arguidos. A defesa do antigo primeiro-ministro já contestou a decisão. Diz que é uma forma de confundir o processo para ocultar, mais uma vez, a falta de provas contra Sócrates.

  • Família Portugal Ramos
    15:01