sicnot

Perfil

Mundo

Chimpanzés conseguiriam cozinhar se lhes dessem um fogão

Os chimpanzés têm todas as capacidades cognitivas para cozinhar alimentos. Só que não sabem fazer fogo.

© Ricardo Moraes / Reuters

Várias experiências conduzidas no Congo com chimpanzés do  santuário Tchimpounga revelaram que estes primatas têm capacidade para planear tudo o que envolve cozinhar alimentos, inclusive paciência para adiar a gratificação que é comer. Caso lhes fosse dada uma fonte de aquecimento, "seriam capazes de manipulá-la para cozinhar", afirma o cientista Felix Warneken da Universidade de Harvard, que conduziu o estudo com Alexandra Rosati.

Alimentos cozinhados podem ter desempenhado um papel-chave na evolução humana, dado que o alimento se torna de mais fácil digestão o que terá acelerado o crescimento do cérebro dos nosso antepassados australopitecos.

Nestas experiências, os cientistas davam aos chimpanzés uma fatia de batata crua numa tigela. Numa outra tigela estava uma fatia de batata cozida, fechavam-na, agitavam-na e só então a davam aos chimpazés. Para os primatas a segunda tigela teria servido como forno.

Apesar de terem comida crua já na mão, disponível para comer de imediato, alguns chimpanzés foram colocar a sua fatia de batata crua na segunda tigela e não se importaram de esperar por uma batata cozinhada e mais saborosa.

Os resultados destas experiências foram publicados na revista  Proceedings of the Royal Society B.
  • Marine devolve bandeira do Japão 73 anos depois 
    2:13

    Mundo

    Setenta e três anos depois da batalha mais sangrenta do Pacífico, um veterano dos Estados Unidos cumpriu uma promessa pessoal. Marvin Strombo devolveu à família a bandeira da sorte de um soldado japonês, morto em 1944, em Saipan, na II Guerra Mundial. 

  • Autoridades usam elefantes para resgatar pessoas das cheias na Ásia
    1:31

    Mundo

    Mais de 215 pessoas morreram nas inundações que estão a devastar o centro da Ásia, e estima-se que três milhões tiveram de abandonar as casas. As autoridades estão a usar elefantes para resgatar locais e turistas das zonas mais afetadas e avisam que há dezenas de pessoas desaparecidas.