sicnot

Perfil

Mundo

Motorista português morreu carbonizado após colisão em Espanha

Um motorista português morreu carbonizado, na noite de segunda-feira, na sequência de uma colisão entre dois camiões na autoestrada A-2, em Saragoça, Espanha, que continua cortada ao trânsito, disse hoje à Lusa fonte da Guardia Civil.

Sapo Mapas

De acordo com a mesma fonte, o acidente ocorreu às 21:00 locais (20:00 em Portugal), ao quilómetro 195 daquela autoestrada, no sentido Barcelona-Madrid, quando um camião, conduzido pela vítima mortal, da empresa Transneiva, de Viana do Castelo, embateu na traseira de outro veículo pesado.

A mesma fonte adiantou que o motorista português morreu carbonizado nas chamas que deflagraram após o acidente, por não ter conseguido abandonar a cabine do veículo.

Os dois ocupantes do outro camião envolvido no acidente conseguiram sair do veículo, tendo sofrido apenas ferimentos.

A Guardia Civil de Saragoça disse não ter a identificação do motorista português, "uma vez que o corpo ficou irreconhecível", tendo sido conduzido ao Instituto de Medicina Legal daquela localidade espanhola, para ser autopsiado.

As circunstâncias que estiveram na origem deste acidente estão a ser investigadas.

A agência Lusa tentou, sem sucesso, obter mais informações da parte da empresa transportadora, situada na zona industrial do Neiva, em Viana do Castelo.


Lusa
  • Jovem que morreu numa estância de esqui em Espanha sofreu um aneurisma
    1:26
  • Cunhado do Rei de Espanha em liberdade sem caução

    Mundo

    Inaki Urdangarin vai mesmo aguardar o desenrolar do recurso em liberdade na Suíça, onde o marido da Infanta Cristina tem residência oficial e onde terá de se apresentar às autoridades uma vez por mês, para além de estar obrigado a comunicar qualquer deslocação fora da Europa. De fora fica ainda o pagamento da caução de 200 mil euros pedida pelo Ministério Público espanhol.

  • Três letras de Zeca Afonso

    Cultura

    No dia em que se assinalam 30 anos da morte de Zeca Afonso, Raquel Marinho, jornalista da SIC e divulgadora de poesia portuguesa contemporânea, escolhe três letras do cantor e autor para dizer, em forma de homenagem.

    Raquel Marinho

  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • "Isto é uma mentira e tem carimbo de Estado"
    2:12

    Opinião

    O preço das botijas de gás em Portugal duplicou nos últimos 15 anos. José Gomes Ferreira esteve no Jornal da Noite, da SIC, onde explicou este aumento, lembrando que a classe política prometeu que se houvesse mais empresas a operar no mercado, os preços desciam. Contudo, José Gomes Ferreira diz que "isto é uma mentira e tem carimbo de Estado". O Diretor-Adjunto de Informação SIC explicou que como o mercado é livre, os operadores vendem aos preços mais altos que podem, deste modo os preços não variam muito entre uns e outros.

    José Gomes Ferreira