sicnot

Perfil

Mundo

Ban Ki-moon pede trégua imediata no Iémen

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, pediu hoje uma trégua humanitária imediata no Iémen, na abertura em Genebra de conversações de paz entre o governo no exílio e os rebeldes xiitas 'huthis'.

© Khaled Abdullah Ali Al Mahdi

"Não temos um momento a perder", disse Ban, frisando que o conflito armado no Iémen "deu força a alguns dos mais brutais grupos terroristas do mundo".

"Espero que esta semana marque o princípio do fim dos combates", disse o secretário-geral, sublinhando a importância de fazer chegar a ajuda humanitária às populações.

As Nações Unidas têm descrito a situação humanitária no Iémen como "catastrófica", com 80% da população, ou 20 milhões de pessoas, a precisar de ajuda, e mais de 2.600 mortos, na maioria civis.

"O Ramadão começa dentro de dois dias", prosseguiu Ban, referindo que o mês sagrado dos muçulmanos deve ser um período de harmonia, paz e reconciliação.

Ban pediu um cessar-fogo "de pelo menos duas semanas" e apelou às partes em conflito para negociarem "tréguas locais" e "retirarem os grupos armados das cidades".

As conversações de paz iniciaram-se em Genebra sem a delegação dos rebeldes xiitas, cujo voo sofreu um atraso no Djibouti.

Segundo Ban, o atraso deve-se a razões logísticas e não vai prejudicar as conversações.

Mas, segundo observadores, é "muito improvável" que as reuniões na Suíça permitam avanços significativos no confronto entre os rebeldes xiitas, apoiados pelo Irão, e o governo no exílio, apoiado pela Arábia Saudita.

Os rebeldes, apoiados igualmente por unidades militares leais ao presidente deposto Ali Abdullah Saleh, controlam vastas áreas do país, incluindo a capital, Sanaa, e a segunda cidade, Áden, tendo forçado o presidente, Abdrabbo Mansur Hadi, a refugiar-se na Arábia Saudita em março.

O ministro dos Negócios Estrangeiros iemenita, Riad Yassin, também considerou fracas as perspetivas de um acordo. "Não estou muito otimista", disse, afirmando que "eles (os rebeldes) nunca respeitam nenhum tratado".

Segundo Yassin, os rebeldes são comparáveis aos grupos extremistas Estado Islâmico e Boko Haram e enviaram às conversações de Genebra muito mais representantes do que o tinha sido acordado. "Querem criar uma situação caótica", disse.

A delegação do governo, liderada pelo ministro, repetiu no domingo as suas exigências, entre as quais se destaca a de que qualquer trégua tem de ser precedida de uma retirada dos rebeldes de todos os territórios que tomaram.









Lusa
  • Sporting de Braga afastado da Liga Europa

    Liga Europa

    O Sporting de Braga derrotou esta quinta-feira o Marselha, em Braga, por 1-0, na segunda mão dos 16 avos de final da Liga Europa. Um triunfo insuficiente para o apuramento, depois do desaire da equipa minhota em França (3-0).

  • Sporting nos oitavos de final da Liga Europa

    Liga Europa

    O Sporting garantiu esta quinta-feira o apuramento para os oitavos de final da Liga Europa, ao empatar frente ao Astana, em Alvalade, a três golos, na segunda mão dos 16 avos de final, depois de ter triunfado no Cazaquistão por 3-1. Veja ou reveja todos os golos do encontro.

  • Os 36 golos dos 16 avos da Liga Europa

    Liga Europa

    A jornada europeia ficou marcada, no panorama das equipas portuguesas, pelo apuramento do Sporting e pela eliminação do Sporting de Braga. Os leões passam assim a ser o único clube luso em prova na Liga Europa. Nos oitavos de final, o emblema de Alvalade pode encontrar adversários como o Arsenal, o Atlético de Madrid ou o AC Milan. O sorteio realiza-se esta sexta-feira, ao meio-dia. Aqui, veja ou reveja todos os golos da segunda mão dos 16 avos de final da Liga Europa.

  • "O dia a dia na Síria também é lutar por um pão"
    10:13

    Mundo

    Desde domingo que os bombardeamentos do regime sírio a Ghouta já fizeram mais de 400 mortos. Ghouta é o último reduto rebelde nos arredores da capital da síria, onde as forças fiéis a Bashar Al Assad iniciaram no domingo uma intervenção militar de larga escala. Cândida Pinto, editora de Internacional da SIC, e a psicóloga Maria Palha, que já esteve na Síria ao serviço dos Médicos Sem Fronteiras, estiveram na Edição da Noite da SIC Notícias para falar sobre o assunto.

  • O estranho caso do mergulhador Alejandro Ramos

    Mundo

    O mergulhador Alejandro Ramos tornou-se num caso de investigação do Centro Médico Naval do Peru, depois do seu corpo ter começado a inchar sem qualquer explicação aparente. Isto aconteceu há quatro anos, minutos depois de ter emergido da água, onde tinha estado a trabalhar durante muitas horas.

    SIC

  • Jane Seymour posa para a Playboy aos 67 anos

    Cultura

    Esta é a terceira vez que a atriz inglesa de 67 anos participa numa sessão fotográfica para a revista Playboy. Jane Seymour aproveitou a oportunidade para se juntar ao movimento #MeToo e falar sobre as agressões sexuais que sofreu às mãos de um produtor, em 1972.

  • Não dá mais, Brasil!
    18:00
  • Proposta de um cessar-fogo na Síria sem acordo

    Mundo

    O embaixador da Rússia junto das Nações Unidas afirmou esta quinta-feira que os 15 membros do Conselho de Segurança não alcançaram um acordo para aprovar um cessar-fogo de 30 dias na Síria, proposta negociada há mais de duas semanas.