sicnot

Perfil

Mundo

Eleições legislativas antecipadas na Dinamarca

A Dinamarca vai hoje a votos em eleições legislativas antecipadas, que as últimas sondagens preveem que seja uma disputa renhida entre o governo de centro-esquerda e a oposição de direita. 

© Scanpix Denmark / Reuters

Após uma campanha marcada pelas preocupações económicas, a reforma do Estado-providência ou o tema da migração, as últimas sondagens, divulgadas quarta-feira, revelaram um cenário de empate técnico ou de uma ligeira vantagem para um dos blocos. 

Situação que colocou na mira dos dois blocos os 18% de eleitores que afirmaram estar ainda indecisos. 

A atual primeira-ministra dinamarquesa, a social-democrata Helle Thorning-Schmidt, enviou na terça-feira uma carta para 1,5 milhões de lares dinamarqueses a advertir contra as medidas económicas propostas pela direita, que pretende reduzir os impostos e congelar a despesa pública. 

"Os dinamarqueses devem posicionar-se sobre duas questões determinantes: como asseguramos o crescimento e a prosperidade e quem será o primeiro-ministro da Dinamarca", declarou, na quarta-feira, Helle Thorning-Schmidt, que se apresenta como um garante de uma política de centro.

Helle Thorning-Schmidt, a primeira mulher chefe de governo da história da Dinamarca, anunciou, a 27 de maio, a convocação de eleições legislativas antecipadas, três meses antes do fim do prazo constitucional para a sua realização.

Na altura, a primeira-ministra dinamarquesa justificou a antecipação da consulta por considerar que era o momento adequado para os dinamarqueses optarem entre manter o curso escolhido pelo atual governo, num momento de recuperação económica, ou aceitar o que intitulou como "as experiências" da oposição.

A recuperação económica -- a previsão de crescimento foi revista em alta de 1,4% para 1,7% para 2015 -- permitiu à atual chefe do Governo, um pouco impopular durante uma grande parte do seu mandato, ganhar alguns pontos junto dos eleitores e bloquear uma possível vitória fácil da oposição, com Lars Lokke Rasmussen, dos liberais do partido Venstre, na liderança.

Este último, primeiro-ministro entre 2009 e 2011, também reivindicou a sua influência na recuperação económica dinamarquesa.

Lusa



  • Ministro garante segurança nas escolas com uso de poliuretano
    0:52

    País

    O ministro da Educação garante que as escolas estão em segurança e que não há perigo com um material como o poliuretano. Tiago Brandão Rodrigues respondia, esta quarta-feira, a uma pergunta dos Verdes sobre a substituição de amianto nas escolas.

  • Estoril garante que estrutura da bancada não está em causa
    2:23

    Desporto

    O Laboratório Nacional de Engenharia Civil deverá emitir esta quinta-feira um parecer preliminar sobre a bancada norte do estádio do Estoril-Praia. O clube garante que a estrutura não está em causa e que, tal como a câmara de Cascais, aguarda por conclusões para uma edificação feita no vale da Amoreira.

  • "Quem me dera que a bancada do Estoril fosse com o c......"

    Desporto

    Depois da polémica no jogo entre Estoril-Praia e FC Porto, um cântico polémico da claque do Sporting sobre a bancada do estádio António Coimbra da Mota que obrigou à interrupção do jogo da passada segunda-feira. Tudo aconteceu durante um jogo do campeonato de hóquei em patins entre leões e dragões.

  • Ronaldo estará mesmo de saída do Real Madrid
    2:01
  • Várias alternativas para vender a sua casa
    8:58
  • Encontradas 86 pedras preciosas numa casa em Albufeira
    0:48
  • Registada em vídeo explosão de meteoro nos EUA
    0:42
  • "A Rússia não nos ajuda nada na Coreia do Norte"

    Mundo

    O Presidente norte-americano, Donald Trump, condenou esta quarta-feira a postura da Rússia sobre a situação da Coreia do Norte, afirmando que o país está a minar os esforços internacionais em curso para isolar o regime de Kim Jong-Un.

  • Polícia descobre arte de esconder 750 quilos de droga em ananases
    2:25
  • Moscovo só teve seis minutos de luz solar em dezembro

    Mundo

    Os portugueses estão tão habituados ao sol, que nunca imaginariam passar um mês inteiro sem ele. O fenómeno aconteceu na capital russa. Moscovo bateu o recorde em dezembro, quando passou o mês inteiro sem luz solar direta. As pessoas de Moscovo viram o sol apenas durante seis minutos e a espreitar timidamente por entre as nuvens.

  • A maior lua de Saturno tem nível do mar tal como a Terra

    Mundo

    Titã, a maior lua de Saturno, tem uma altura média da superfície do mar, tal como a Terra, revela um estudo divulgado esta quarta-feira, que se baseia em observações feitas pela sonda norte-americana Cassini, cuja missão terminou em setembro.