sicnot

Perfil

Mundo

Afinal não havia divórcio, "era só jajão"

Afinal não havia outra, nem sequer havia divórcio, não havia nem Laura, nem bens para dividir. O vídeo de um recém-divorciado que decidiu levar à letra a divisão de bens do casal, cortou tudo a meio e se tornou viral era, afinal, falso. Tratou-se apenas de uma campanha de marketing da Ordem dos Advogados alemã.

O vídeo, as fotos e o anúncio no ebay fazem parte de uma campanha de marketing de guerrilha para o portal de Direitos do consumidor da Ordem dos Advogados alemã e que visa mostrar que, nos tempos de hoje, nada é verdade, até se provar o contrário.

A inspiração vem de um caso em 2007, quando um alemão realmente cortou a casa ao meio depois de um divórcio conturbado.

[E se canta a música "Era só Jajão" do Master Jake, para explicar o título desta notícia, é um termo Angolano que significa mentira, aldrabice ou engano.]


  • "Sempre nos disseram que bastava o Aves ganhar para estar na Liga Europa"
    0:34

    Desporto

    O Presidente da SAD do Desportivo das Aves garante que não houve esquecimento ou atraso na inscrição do clube na Liga Europa. Luiz Andrade afirma que sempre lhe disseram que bastava vencer a Taça de Portugal para marcar presença na competição e que ainda não sabe se o clube pode ou não jogar a fase de grupos da competição europeia.

  • "Fui violada por Harvey Weinstein aqui em Cannes"
    1:02

    Cultura

    A cerimónia de encerramento do Festival de Cinema de Cannes ficou ainda marcada pelo discurso de Asia Argento. A atriz italiana que acusou Harvey Weinstein de a ter violado justamente numa das edições do festival de Cannes, e que há mais abusadores à solta.

  • As primeiras imagens das quatro crias da lince Malva
    0:20
  • Exército sírio declara Damasco "totalmente segura"

    Mundo

    O exército sírio proclamou esta segunda-feira a capital Damasco e também os arredores, como locais "totalmente seguros". O anúncio foi feito em clima de festa, depois de os militares terem reconquistado os bairros do sul da cidade, até agora nas mãos do Daesh.