sicnot

Perfil

Mundo

Rússia prolonga embargo contra alimentos da UE em resposta a sanções

O presidente russo, Vladimir Putin, anunciou hoje que vai prolongar por um ano o embargo da Rússia aos alimentos perecíveis provenientes da União Europeia, em resposta ao alargamento das sanções de Bruxelas contra Moscovo devido à crise na Ucrânia.

© RIA Novosti / Reuters

"Assinei hoje o decreto para prolongar a vigência das medidas económicas especiais adotadas em resposta às ações dos nossos parceiros de alguns países, com o objetivo de garantir a segurança da Rússia", disse Putin numa reunião com membros do governo. 

O presidente russo pediu ao Executivo que "emita as disposições correspondentes" em conformidade com o seu decreto, que entrou em vigor já hoje.

"Prolongamos as nossas contramedidas por um ano, tal como solicitou o chefe de Governo (Dmitri Medvedev). Creio que será um bom incentivo para os agricultores nacionais", sublinhou o chefe do Kremlin.

Na passada segunda-feira a UE alargou as suas sanções económicas contra a Rússia por seis meses, até 31 de janeiro de 2016, devido ao papel da Rússia na crise da Ucrânia.

O ministro dos Negócios Estrangeiros russo assinalou a sua "profunda deceção" face à medida comunitária, atribuindo-a ao "lóbi russófobo" no seio dos 28.

"Em Bruxelas, silencia-se de forma intencional que [as sanções contra a Rússia] garantem a perda de centenas de milhares ou mesmo milhões de postos de trabalho europeus", advertiu o ministro russo.

Por seu lado, o porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov, considerou "ilegal e infundamentada" a decisão de Bruxelas, afirmando que as sanções "não só prejudicam os interesses de quem participa na atividade económica na Rússia, mas também os interesses dos contribuintes nos países europeus".

Lusa
  • Salgado impedido de sair do país e de contactar outros arguidos
    1:21

    Operação Marquês

    O ex-presidente do BES, Ricardo Salgado, ficou esta quarta-feira impedido de se ausentar para o estrangeiro sem autorização prévia e proibido de contactar com os arguidos da Operação Marquês, determinou o Tribunal Central de Instrução Criminal. O jornalista da SIC Luís Garriapa esteve no TCIC, onde deu a conhecer as medidas de coação, depois de uma "longa maratona de nove horas".

  • Temperatura global de 2016 foi a mais alta desde 1880

    Mundo

    A temperatura média na superfície terrestre e oceânica em 2016 foi a mais alta desde 1880, no terceiro ano consecutivo de recordes do aquecimento global, anunciou esta quarta-feira a agência dos Estados Unidos para a atmosfera e os oceanos.

  • CIA desvenda segredos de quase 50 anos de História

    Mundo

    A CIA publicou online quase 12 milhões de documentos confidenciais. Basta uma ligação à Internet para navegar por entre 50 anos de relatórios outrora secretos. Entre os milhões de páginas, estão documentos sobre um eventual assassínio de Fidel Castro, detalhes sobre os crimes de guerra nazis, relatórios sobre avistamentos de OVNI e um estudo sobre telepatia denominado "Projeto Star Gate".

  • Cadela sobrevive após engolir faca de cozinha

    Mundo

    Na Escócia, uma história de sobrevivência, no mínimo, bicuda. Uma cadela engoliu uma faca de cozinha com mais de 20 centímetros, manteve-a dentro de si durante algumas semanas mas sobreviveu, depois de ser operada de urgência..