sicnot

Perfil

Mundo

Preso suspeito de filmar a morte de rapaz de 13 anos no Bangladesh

A polícia do Bangladesh anunciou hoje que prendeu um homem suspeito de filmar o assassínio brutal de um menino de 13 anos, que provocou a indignação pública depois de se tornar viral na Internet.

As autoridades policiais prenderam Nur Mia, de 20 anos, na periferia da cidade de Sylhet, no nordeste do país, na quarta-feira.

"Nur Mia gravou o vídeo através do seu (telemóvel) Nokia, sob instruções de Kamrul", disse o chefe da polícia local à agência francesa AFP, Akhter Husain, referindo-se ao outro suspeito neste caso.

"Ele (Nur Mia) descarregou o vídeo no Facebook e partilhou com os seus amigos", disse Husain.

Mia é a nona pessoa presa desde o assassínio, a 8 de julho, de Samiul Alam Rajon, que foi amarrado a um poste e, em seguida, submetido a uma agressão brutal enquanto implorava pela sua vida.

Kamrul fugiu para Jeddah, na Arábia Saudita, após o ataque brutal ao rapaz, mas relatórios indicam que já foi preso pelas autoridades sauditas.

A polícia disse ainda, na quarta-feira, que já prendeu outro homem, Moyna Chowkidar, qualificando-o de suspeito principal no caso.

Milhares de pessoas mobilizaram-se na quarta-feira nas ruas e nas redes sociais no Bangladesh, numa onda de repulsa pelo linchamento mortal do rapaz de 13 anos.

O rapaz, identificado como Samiul Rajon, foi agredido por pelo menos quatro pessoas na passada quarta-feira na cidade setentrional de Sylhet, após ter sido acusado de roubar, segundo explicou o comissário da polícia local, Kamrul Husain.

Segundo os resultados da autópsia, o menor morreu devido a uma hemorragia cerebral e apresentava mais de 60 feridas no corpo.

Os agressores gravaram um vídeo de 28 minutos, que foi publicado no Facebook, em que se vê o menino a ser golpeado por uma espécie de bastão em repetidas ocasiões e em diferentes partes do corpo, enquanto se encontra atado a um poste de uma paragem de autocarros.

Diversas páginas foram criadas no Facebook em homenagem Rajon, enquanto no Twitter foi criado um 'hashtag' (#JusticeForRajon). Uma iniciativa, que pede ao Governo do Bangladesh que tome medidas rapidamente, lançada através da plataforma Change.org já recolheu quase 7.000 assinaturas.

Lusa

  • Brinquedos tecnológicos para oferecer no Natal
    5:33
  • Aniversário de Marcelo passado nas comemorações dos 700 anos da Marinha
    1:45

    País

    O Presidente da República defende que é preciso continuar a investir na Armada, nas pessoas, nas capacidades e no apoio de retaguarda. No dia em que fez 69 anos, Marcelo Rebelo de Sousa esteve nas comemorações dos 700 da Marinha, onde sublinhou os sete séculos de conquistas e de combates navais.

  • Rui Rio comprometeu-se a realizar apenas dois debates
    0:45

    País

    Rui Rio disse esta terça-feira que foi apanhado de surpresa com a mudança de posição de Pedro Santana Lopes, que exige três debates entre os dois candidatos à liderança do PSD nos canais generalistas. Rui Rio reiterou ainda que se comprometeu a fazer apenas dois debates.

  • Costa anuncia reunião sobre neutralidade carbónica em fevereiro
    2:03

    País

    O Presidente francês defende que é preciso ir mais longe e mais rápido na luta contra as alteração climáticas, numa resposta à decisão de Donald Trump de retirar os EUA do Acordo de Paris. Em fevereiro, será a vez de Portugal organizar uma reunião sobre energia e transportes.