sicnot

Perfil

Mundo

Europa quer construir aldeia na Lua para astronautas, turistas, mineiros e robôs

O diretor da Agência Espacial Europeia quer instalar na Lua um laboratório para astronautas e robôs, que seja também uma base para missões a Marte, um centro de exploração mineira e um complexo turístico.

© Osman Orsal / Reuters

Johann-Dietrich Woerner, o novo responsável para os próximos quatro anos da Agência Espacial Europeia (ESA na sigla inglesa), disse em entrevista à agência noticiosa espanhola EFE divulgada hoje que se propunha "criar na face obscura da Lua uma 'aldeia lunar'", a qual não teria "casas, bairros e igreja", mas apenas "um lugar onde os diversos países pudessem aplicar as suas competências através de astronautas ou de robôs".

O engenheiro civil alemão, de 60 anos, partilhou na sede da agência, em Paris, a sua visão científica para o futuro da organização, por entre ideias para captar investimento.

O laboratório "teria um telescópio" propiciador de uma melhor observação do que a feita a partir da Terra", disse Woerner, acrescentando que a 'aldeia lunar' serviria também o ser humano "como ponto intermédio para chegar a Marte".

O local ofereceria ainda "a oportunidade para desenvolver a mineração lunar e a atividade turística", defendeu o novo responsável da ESA.

Com base no sucesso alcançado pelo projeto da sonda espacial Rosetta, Woerner salientou que "alguns cidadãos estavam errados" ao pensarem que as pessoas só se interessavam pelo "retorno financeiro dos investimentos".

"As pessoas estão muito mais interessadas em ciência e exploração espacial", afirmou.

O projeto descrito por Woerner, semelhante ao que a Agência Espacial Americana (NASA) pretende há anos, tem no horizonte a substituição dos módulos da Estação Espacial Internacional (EEI), que orbita a Terra desde 1998, como modelo da colaboração internacional no espaço.

Lusa

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45

    País

    Há um surto de hepatite A em Portugal. Desde janeiro, 105 pessoas foram diagnosticadas na região de Lisboa e Vale do Tejo, um número superior aos casos contabilizados em todo o país nos últimos 40 anos. O surto terá começado na Holanda e está a atingir quase toda a Europa. A Direção-Geral de Saúde vai divulgar ainda esta terça-feira as normas de orientação clínica para que os médicos possam lidar da melhor maneira com este surto.

  • Bruno de Carvalho e Octávio Machado suspensos

    Desporto

    O presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, e o diretor-geral para o futebol, Octávio Machado, foram esta terça-feira suspensos pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, na sequência de uma queixa apresentada pelo Benfica em novembro de 2015.

  • Corredora exausta é levada ao colo até à meta na meia maratona do amor
    1:06

    Mundo

    Aconteceu este domingo em Filadélfia, EUA. A poucos metros da meta uma corredora exausta é amparada por dois colegas. Mas o cansaço é tanto que fica sem força nas pernas. É quando aparece a terceira ajuda. Um homem volta para trás e leva-a no colo até à meta. A centímetros do fim larga-a para que a corredora possa atravessar a meta pelo seu próprio pé.

    Patrícia Almeida

  • Kennedy acreditava que Hitler estava vivo

    Mundo

    Um diário de John F. Kennedy vai a leilão em Boston, nos Estados Unidos da América. O diário foi escrito durante a sua breve carreira como jornalista, depois da 2.ª Guerra Mundial. No livro, foram expostas algumas teorias do antigo Presidente norte-americano, como a possibilidade de Hitler estar vivo.

    Ana Rute Carvalho