sicnot

Perfil

Mundo

Europa quer construir aldeia na Lua para astronautas, turistas, mineiros e robôs

O diretor da Agência Espacial Europeia quer instalar na Lua um laboratório para astronautas e robôs, que seja também uma base para missões a Marte, um centro de exploração mineira e um complexo turístico.

© Osman Orsal / Reuters

Johann-Dietrich Woerner, o novo responsável para os próximos quatro anos da Agência Espacial Europeia (ESA na sigla inglesa), disse em entrevista à agência noticiosa espanhola EFE divulgada hoje que se propunha "criar na face obscura da Lua uma 'aldeia lunar'", a qual não teria "casas, bairros e igreja", mas apenas "um lugar onde os diversos países pudessem aplicar as suas competências através de astronautas ou de robôs".

O engenheiro civil alemão, de 60 anos, partilhou na sede da agência, em Paris, a sua visão científica para o futuro da organização, por entre ideias para captar investimento.

O laboratório "teria um telescópio" propiciador de uma melhor observação do que a feita a partir da Terra", disse Woerner, acrescentando que a 'aldeia lunar' serviria também o ser humano "como ponto intermédio para chegar a Marte".

O local ofereceria ainda "a oportunidade para desenvolver a mineração lunar e a atividade turística", defendeu o novo responsável da ESA.

Com base no sucesso alcançado pelo projeto da sonda espacial Rosetta, Woerner salientou que "alguns cidadãos estavam errados" ao pensarem que as pessoas só se interessavam pelo "retorno financeiro dos investimentos".

"As pessoas estão muito mais interessadas em ciência e exploração espacial", afirmou.

O projeto descrito por Woerner, semelhante ao que a Agência Espacial Americana (NASA) pretende há anos, tem no horizonte a substituição dos módulos da Estação Espacial Internacional (EEI), que orbita a Terra desde 1998, como modelo da colaboração internacional no espaço.

Lusa

  • Bruno de Carvalho suspenso por mais 90 dias

    Desporto

    O presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, foi suspenso por 90 dias na sequência de declarações proferidas numa entrevista televisiva em março, anunciou esta terça-feira o Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

  • Benfica critica castigo de Samaris e vai recorrer

    Desporto

    O Benfica reagiu esta terça-feira ao castigo de três jogos aplicado ao grego Andreas Samaris, considerando que a decisão, da qual vai recorrer, é prova de que o futebol português está "entregue à instabilidade, à incoerência e à insegurança".

  • "Álvaro" viveu seis anos de maus tratos num casamento de oito
    5:06
  • Governo disposto a ceder a algumas reivindicações dos enfermeiros
    1:58

    Economia

    Os enfermeiros ameaçam voltar à greve se o Governo não lhes der um subsídio no valor de 400 euros. Esta terça-feira o Governo esteve reunido com dois dos quatro sindicatos. O Ministério diz estar disposto a ceder a algumas reivindicações, mas o ministro da Saúde fez saber que o aumento de 400 euros é incomportável. 

  • Como fazer fotos e vídeos menos tremidos
    8:43
  • "As autárquicas deviam estar menos contaminadas pelo Orçamento"
    7:55
  • Viajar a 110 km/h agarrado ao para-brisas de um comboio

    Mundo

    Um homem de 23 anos foi detido por viajar preso a um comboio - mais concretamente ao limpa para-brisas -, que atinge velocidades perto dos 110 quilómetros por hora, numa viagem entre as estações de Leederville e Glendalough, na Austrália.

  • Rapper quer provar que a terra é plana

    Mundo

    O rapper B.o.B. lançou uma campanha na plataforma GoFundMe para enviar satélites que possam comprovar que a Terra é redonda e azul. No ano passado, o norte-americano defendeu nas redes sociais que o planeta é plano.