sicnot

Perfil

Mundo

Europa quer construir aldeia na Lua para astronautas, turistas, mineiros e robôs

O diretor da Agência Espacial Europeia quer instalar na Lua um laboratório para astronautas e robôs, que seja também uma base para missões a Marte, um centro de exploração mineira e um complexo turístico.

© Osman Orsal / Reuters

Johann-Dietrich Woerner, o novo responsável para os próximos quatro anos da Agência Espacial Europeia (ESA na sigla inglesa), disse em entrevista à agência noticiosa espanhola EFE divulgada hoje que se propunha "criar na face obscura da Lua uma 'aldeia lunar'", a qual não teria "casas, bairros e igreja", mas apenas "um lugar onde os diversos países pudessem aplicar as suas competências através de astronautas ou de robôs".

O engenheiro civil alemão, de 60 anos, partilhou na sede da agência, em Paris, a sua visão científica para o futuro da organização, por entre ideias para captar investimento.

O laboratório "teria um telescópio" propiciador de uma melhor observação do que a feita a partir da Terra", disse Woerner, acrescentando que a 'aldeia lunar' serviria também o ser humano "como ponto intermédio para chegar a Marte".

O local ofereceria ainda "a oportunidade para desenvolver a mineração lunar e a atividade turística", defendeu o novo responsável da ESA.

Com base no sucesso alcançado pelo projeto da sonda espacial Rosetta, Woerner salientou que "alguns cidadãos estavam errados" ao pensarem que as pessoas só se interessavam pelo "retorno financeiro dos investimentos".

"As pessoas estão muito mais interessadas em ciência e exploração espacial", afirmou.

O projeto descrito por Woerner, semelhante ao que a Agência Espacial Americana (NASA) pretende há anos, tem no horizonte a substituição dos módulos da Estação Espacial Internacional (EEI), que orbita a Terra desde 1998, como modelo da colaboração internacional no espaço.

Lusa

  • Cinco mil trabalhadores da PT manifestaram-se em Lisboa
    3:55

    Economia

    Perto de cinco mil trabalhadores da PT manifestaram-se esta sexta-feira, em Lisboa. Os números são avançados pelos sindicatos. Os trabalhadores contestam a transferência de funcionários para empresas parceiras da Altice e outras empresas do grupo, sem as mesmas garantias e direitos. A Altice garante que as transferências são legais mas alguns funcionários já levaram o caso a tribunal.

  • Uma viagem aérea pela Lagoa Negra
    1:02
  • Videovigilância regista impacto de sismo na Grécia

    Mundo

    Um sismo de magnitude 6.7 atingiu na quinta-feira o mar Egeu e causou pelo menos dois mortos e mais de 200 feridos. O momento e o impacto causado pelo abalo foram registados através de uma câmara de videovigilância de um café, na ilha grega de Kos, um dos locais mais afetados.

  • A sátira a Sean Spicer no Saturday Night Live
    1:36

    Mundo

    O estilo de Sean Spicer foi controverso desde o início. A relação conflituosa do ex-assessor da Casa Branca com os jornalistas foi muitas vezes satirizada na comunicação social. Um exemplo é um momento do Saturday Night Live, protagonizado pela atriz Meliissa McCarthy.

  • Músico indiano toca guitarra durante cirurgia ao cérebro

    Mundo

    Abhishek Prasad foi submetido a uma cirurgia ao cérebro esta quinta-feira, num hospital na cidade indiana de Bangalore, após anos e anos a sofrer de dolorosos espasmos nas mãos. O insólito do caso foi que o músico indiano teve de tocar guitarra para ajudar os médicos durante a intervenção cirúrgica.