sicnot

Perfil

Mundo

Presidente brasileira recebe homóloga argentina após cimeira da Mercosul

A Presidente do Brasil, Dilma Rousseff, recebeu, esta sexta-feira, na sua residência oficial, a sua homóloga argentina, Cristina Kirchner, depois de ambas terem participado na cimeira da Mercosul, que encerrou em Brasília.

Eraldo Peres

A chefe de Estado argentina deslocou-se ao Palácio da Alvorada, a residência oficial dos Presidentes brasileiros, acompanhada pelo seu ministro da Economia, Axel Kicillof, pelo vice-ministro dos Negócios Estrangeiros, Eduardo Zuain, bem como pelos secretários de Relações Económicas Internacionais e de Comunicação Pública, Carlos Bianco e Alfredo Scoccimarro, respetivamente.

Rousseff, por seu turno, tinha a seu lado o chefe da diplomacia brasileira, Mauro Vieira, o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Externo, Armando Monteiro, e o titular da Secretaria da Comunicação Social da Presidência, Edinho Silva.

Após o encontro, que durou cerca de duas horas e meia, sobre cujo teor qual não foram reveladas informações, a Presidente argentina seguiu para o aeroporto sem prestar declarações.

A cimeira da Mercosul reuniu na capital brasileira, os Presidentes do Brasil, Argentina, Paraguai, Uruguai e Venezuela, bem como os das Bolívia e Guiana.

Durante a cimeira, Rousseff quebrou a formalidade com um emotivo discurso e irrompeu em lágrimas ao anunciar que se tratava provavelmente da última reunião do bloco participada pela sua "companheira e amiga".

Cristina Kirchner, a quem a Constituição impede de concorrer às eleições de outubro próximo, recebeu das mãos de Rousseff a Ordem do Cruzeiro do Sul, a mais importante condecoração concedida pelo Governo brasileiro.

"Terá sempre aqui uma amiga pronta para partilhar sonhos e esperanças", disse Rousseff.

Lusa

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Mais de 50 detidos pela GNR em 12 horas

    País

    A GNR fez 51 detenções entre as 20:00 de sábado e as 08:00 de hoje, 39 das quais por condução sob efeito do álcool ou sem carta, e três por violência doméstica, segundo um comunicado hoje divulgado.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".

  • Monumentos de 7 mil cidades às escuras por 1 hora
    2:51