sicnot

Perfil

Mundo

Morreu soldado britânico atingido a tiro no Afeganistão em 2012

Um soldado britânico atingido por disparos há mais de três anos no Afeganistão morreu hoje dos ferimentos, anunciou o Ministério da Defesa (MoD) em Londres.

© Ahmad Masood / Reuters

A morte de Michael Campbell, cerca de nove meses após as forças de combate britânicas terem concluído a sua intervenção de 13 anos contra as forças rebeldes talibans, eleva para 454 o número total de baixas britânicas no conflito no Afeganistão.

O cabo Campbell, do 3.º batalhão da Infantaria de Royal Welsh, morreu no hospital Queen Elizabeth em Birmingham (centro de Inglaterra) na quinta-feira, precisou o MoD.

Campbell, 32 anos, estava em patrulha quando a sua unidade foi atacada por fogo inimigo, sendo atingido com um único tiro no estômago.

As últimas tropas britânicas mortas no Afeganistão incluem cinco homens que não resistiram à queda de um helicóptero em abril de 2014.

Os dados oficiais indicam ainda que a morte do último soldado britânico abatido por fogo inimigo ocorreu em dezembro de 2013.

Lusa

  • Bataglia deixou passar 12 milhões pela sua conta a pedido de Salgado
    2:05

    Operação Marquês

    O presidente da Escom e arguido na Operação Marquês Helder Bataglia terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, amigo de José Sócrates. O amigo de Sócrates e Bataglia terão combinado várias formas de não levantar suspeitas. A notícia é avançada pelo jornal Expresso na edição deste sábado.

  • Dirigente derrotado da Gâmbia concorda em ceder poder

    Mundo

    O ex-presidente e candidato derrotado das eleições na Gâmbia, Yahya Jammeh, concordou em ceder o poder ao novo Presidente do país, empossado na quinta-feira, indicou esta sexta-feira um responsável governamental senegalês.

  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.