sicnot

Perfil

Mundo

Estado Islâmico sequestra jornalista em Mossul no Iraque

O grupo extremista Estado Islâmico (EI) sequestrou um jornalista de televisão na cidade de Mossul, o seu bastião no norte do Iraque, informou hoje o Sindicato dos Jornalistas iraquiano,

O diretor do Sindicato, Sufian al Mashhadani, explicou à agência espanhola Efe que os extremistas cercaram durante a noite a casa do repórter Yahia al Jatib, situada no bairro de Al Wehda, no sul de Mossul, antes de o sequestrarem.

Segundo referiu, vários extremistas estrangeiros invadiram a casa de Al Jatib, de 28 anos, que foi algemado e a quem vendaram os olhos.

Os radicais roubaram o computador e o telemóvel do jornalista, que trabalhou para a estação de televisão Al Mausiliya, onde apresentou um programa de desporto durante três anos. Posteriormente, Al Jatib trabalhou para o canal Nainawa al Gad, que pertence a Azil al Nuyaifi, governador da província de Niníve, da qual Mossul é capital.

No passado dia 05 de agosto, elementos do grupo extremista fuzilaram três estudantes de jornalismo da Universidade de Mossul pela divulgação de fotografias na Internet e por "colaborarem" com meios de comunicação estrangeiros.

Para além do jornalista agora detido, o grupo radical mantém como reféns oito informadores iraquianos.

Desde que o EI ocupou Mossul, em 10 de junho do ano passado, assassinou centenas de pessoas por se oporem à sua ideologia extremista, entre as quais, ativistas de direitos humanos, médicos, jornalistas, militares e polícias.

Lusa

  • O impacto e as consequências do referendo em Itália
    1:02
  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.