sicnot

Perfil

Mundo

Protestos contra o Governo de Dilma em 190 cidades dentro e fora do Brasil

Protestos convocados pela rede social Facebook saem hoje à rua em 190 cidades, dentro e fora do Brasil, incluindo Porto e Lisboa, tendo como denominador comum as críticas à Presidente brasileira Dilma Rousseff e o seu governo.

© Ueslei Marcelino / Reuters

As manifestações no Porto e em Lisboa estão previstas para as 16:00 horas, em frente ao Consulado do Brasil e na praça Luís de Camões, respetivamente.

Entre as cidades brasileiras com protestos marcados estão Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Salvador (na Baía), Belo Horizonte, Curitiba e outras capitais de todas as regiões do país.

No exterior, há concentrações previstas em Bariloche (Argentina), em Dublin (Irlanda), em Londres (Inglaterra), em Miami, Nova Iorque, Seattle e Washington (Estados Unidos), em Milão (Itália), em Sydney (Austrália) e em Toronto (Canadá).

Os protestos irão questionar a atual situação económica brasileira e pedir a impugnação do mandato de Dilma Rousseff, segundo os organizadores.

Os principais movimentos líderes da manifestação são o "Vem Prá Rua", "Movimento Brasil Livre" e "Revoltados Online", todos de oposição ao Governo atual do país.

Será a terceira vez este ano que os protestos contra a Presidência de Dilma Rousseff saem à rua.

Desta vez, o principal partido de oposição, o Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB, de Aécio Neves), convocou os militantes para o protesto em publicidade emitida na televisão.

Lusa

  • As crianças e o frio. O que vestir
    1:58

    País

    O médico Pedro Ribeiro da Silva, da Direção-Geral da Saúde, aconselha especial cuidado com as extremidades do corpo - usar luvas e gorros. E demasiado agasalhadas pode levá-as a transpirar mais e, consequentemente, desidratar.

  • Transportes públicos de Cascais vão ficar mais baratos
    2:32

    Economia

    Os transportes públicos de Cascais vão ficar mais baratos já a partir do próximo mês e a poupança nos passes combinados pode chegar até aos 12 euros por mês. Para além disso, foram criados 1280 lugares de estacionamento gratuito junto às estações da CP e Governo reafirma ainda que a linha será alvo de obras de melhoramentos este ano. Em 2016 passaram pela linha de Cascais 25 milhões de passageiros, mais 2,9% que no ano anterior.

  • Os finalistas do Carro do Ano 2017 são...
    0:53

    Economia

    São sete os escolhidos pelos jurados do Carro do Ano, iniciativa do Expresso e da SIC Notícias. À final chegaram o Citroen C3 Pure Tech, o Hyundai IONIQ Hybrid Tech, da Kia o novo modelo Optima Sportwagon 1.7 CRDi GT Line, o Peugeot 3008 Allure 1.6 BlueHdi, o Renault Mégane Sport Tourer Energy dCI, o SEAT Ateca 1.6 TDI CR Style e ainda o Volvo V90.