sicnot

Perfil

Mundo

Milicianos libertam 163 crianças soldado na República Centro-Africana

163 crianças soldado, entre as quais cinco meninas, foram libertadas na sexta-feira pelos milicianos anti-balaka em Batango, no oeste da República Centro-Africana, anunciou a Unicef em comunicado.

© Reuters Photographer / Reuter

No total, foram libertadas 645 crianças pelos grupos armados centro-africanos desde a assinatura, em maio último, de um acordo com a Unicef, indicou a agência das Nações Unidas em comunicado.

"Esta libertação é o sinal de que a implementação do acordo assumido pelos chefes destes grupos, no quadro do processo de paz e de reconciliação, está no bom caminho", declarou o representante da Unicef em Bangui, Mohamed Malick Fall.

Os líderes de oito grupos armados centro-africanos, entre os quais das milícias cristãs anti-balaka e da ex-rebelião muçulmana Séléka, protagonistas do conflito, comprometeram-se a libertar vários milhares de crianças soldado, em maio passado, por ocasião de um fórum em Bangui para a reconciliação nacional.

"Esperamos ver centenas de outras crianças libertadas antes do final do ano", referiu o responsável.

A Unicef estima entre 6.000 10.000 o número de crianças alistadas nos grupos armados na República Centro-Africana desde o início dos confrontos e da vaga de violência, em 2013.

Lusa

  • Sessão solene no Parlamento e desfile popular nas celebrações do 25 de Abril

    País

    Os 43 anos da Revolução dos Cravos são hoje comemorados com a sessão solene no Parlamento e o tradicional desfile popular, tendo o Presidente da República escolhido o 25 de Abril para condecorar, a título póstumo, Francisco Sá Carneiro. A SIC Notícias acompanha esta manhã a sessão solene na Assembleia da República. Veja aqui em direto.

  • Desconhecem-se as causas do incêndio na fábrica da Tratolixo
    0:43

    País

    Os moradores de Trajouce, em São Domingos de Rana, não ganharam para o susto com um incêndio nas instalações da empresa de resíduos Tratolixo.O alerta foi dado por populares e trabalhadores da empresa. O vento foi o maior problema dos bombeiros no combate às chamas durante a noite. No local estiveram 133 homens, apoiados por 51 viaturas.Desconhecem-se para já as causas do incêndio. O incêndio foi circunscrito de madrugada, mas pode demorar algumas horas a ser dominado.

  • ASAE encerra em média um restaurante por dia
    1:33
  • Duas execução no mesmo dia pela primeira vez em 17 anos nos EUA

    Mundo

    O estado norte-americano do Arkansas (sul) executou, na noite de segunda-feira, dois condenados à morte, o que sucede pela primeira vez em 17 anos no país, anunciou a procuradora-geral daquele estado. Jack Jones e Marcel Williams, condenados separadamente na década de 1990 à pena capital por violação e assassínio, receberam uma injeção letal depois de diferentes tribunais terem rejeitado os respetivos recursos, afirmou Leslie Rutledge, em comunicado.