sicnot

Perfil

Mundo

Autoridades gregas intercetaram mais de 700 migrantes no fim de semana

A guarda costeira da Grécia resgatou e intercetou mais de 700 refugiados e migrantes este fim de semana ao largo de várias ilhas gregas, refere um comunicado das autoridades gregas hoje divulgado.

© Stoyan Nenov / Reuters


Segundo a guarda costeira, a maioria das operações de resgate ocorreram junto às ilhas de Lesbos, Kos, Samos e Ikaría, no mar Egeu, uma zona que se converteu na principal porta de entrada para a União Europeia devido à sua proximidade com a Turquia.

Numa das operações de resgate, levada a cabo no sábado junto à ilha de Simi, um imigrante de 17 anos morreu durante um tiroteio entre a guarda costeira grega e presumíveis traficantes.

De acordo com as autoridades gregas, o confronto ocorreu quando vários presumíveis traficantes que dirigiam a embarcação com cerca de 70 imigrantes dispararam contra um navio da guarda costeira helénica e outro da Frontex (Agência Europeia de Gestão da Cooperação Operacional nas Fronteiras Externas, dos Estados-Membros da União Europeia).

No tiroteio, também um elemento da guarda costeira grega e um alegado traficante ficaram feridos, informaram as autoridades.

Além destes 700 indivíduos, chegaram ao porto de Pireu, em Atenas, outras 2.488 pessoas na noite passada a bordo do "Eleftherios Venizelos", a embarcação que nas últimas semanas tem transportado os refugiados e migrantes das costas das ilhas helénicas até à plataforma continental grega.

A maioria dos migrantes foi transportada em autocarros para a estação central ferroviária, de onde partiram rumo à fronteira com a Macedónia, um país que, à semelhança da Grécia, tem sido palco de um vasto fluxo migratório.

O objetivo dos recém chegados, a maioria dos quais refugiados sírios, é chegar ao centro e norte da Europa.

Dados publicados pela Agência das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR) revelam que desde o início do ano chegaram à Grécia mais de 180 mil migrantes.

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Pedro Dias recusou mostrar caligrafia
    2:29

    País

    Pedro Dias forneceu esta segunda-feira ADN aos peritos do laboratório da polícia científica. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira também foi intimado a entregar amostras da própria caligrafia, mas recusou fazê-lo.

  • Autoridades italianas prosseguem buscas por desaparecidos em avalancha
    0:54
  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.

  • Carolina do Mónaco celebra o 60.º aniversário
    2:13

    Mundo

    Carolina do Mónaco celebra esta segunda-feira o 60.º aniversário. Em 60 anos, foi criança mediática, jovem rebelde e, agora, matriarca sem ser rainha. Carolina do Mónaco nunca saiu das revistas, por ser filha de Grace Kelly e Rainier do Mónaco, por ter somado namorados pouco recomendáveis para princesas, por ter perdido o pai dos seus filhos num terrível acidente.

  • Ator morre baleado durante gravações de videoclip na Austrália

    Mundo

    Um ator morreu depois de ter sido baleado durante as gravações de um videoclip da banda Bliss n Eso, na cidade australiana de Brisbane. A vítima foi identificada como Johann Ofner, de 28 anos. O homem chegou a receber a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.