sicnot

Perfil

Mundo

Coreia do Norte ameaça romper o acordo de diálogo com Coreia do Sul

Pyongyang ameaçou hoje "voltar à confrontação" ao acusar Seul de mal-interpretar, de forma intencionada, uma declaração norte-coreana na qual lamentava um ataque com minas e que ajudou a pôr fim a uma grave crise militar.

© Jacky Chen / Reuters

"Se a Coreia do Sul continuar assim, as relações entre as duas Coreias poderão voltar ao confronto", afirmou o comité de Defesa Nacional da Coreia do Norte, num comunicado citado pela agência Yonhap em Seul.

Ambos os governos assinaram há uma semana um acordo para pôr fim à tensão, tendo Pyongyang lamentado a explosão de minas a 04 de agosto, num incidente que feriu gravemente dois soldados sul-coreanos na fronteira.

Dias depois do acordo, altos funcionários de Seul, incluindo o ministro da Unificação, Hong Yong-pyo, declararam publicamente que a expressão de Pyongyang equivale a uma desculpa, algo que parece não ter caído bem ao regime norte-coreano.

  • Francisco George toma posse como presidente da Cruz Vermelha Portuguesa

    País

    O ex-diretor-geral da Saúde, Francisco George toma hoje posse como presidente da Cruz Vermelha Portuguesa. Em entrevista à Lusa, manifestou a intenção de criar uma unidade para abastecimento de água potável e redução dos problemas de saneamento em catástrofes como os incêndios deste verão. Além disso, em nome da transparência, vai tornar públicas as contas do organização, incluindo os donativos.

  • Árbitros recuam e vão apitar jogos do próximo fim de semana

    Desporto

    Os árbitros recuaram esta quarta-feira na intenção de não comparecer nos jogos do próximo fim de semana. Depois de na terça-feira a maioria dos juízes terem apresentado um pedido de dispensa dos jogos da 12.ª jornada do campeonato, esta quarta-feira adiaram a decisão após uma reunião com o Conselho de Arbitragem.

  • Comprar um carro em segunda mão sem ser enganado 
    8:44
  • Astronautas enviam mensagem no Dia de Ação de Graças
    1:06

    Mundo

    Comemora-se esta quinta-feira o Dia de Ação de Graças nos Estados Unidos. Mais de 50 milhões de norte-americanos viajam ao encontro da família para celebrar o feriado. Também na Estação Espacial Internacional a data não foi esquecida.