sicnot

Perfil

Mundo

El Portugués, líder de gangue em Caracas, morto em troca de tiros com polícia

Um luso-descendente, alegado cabecilha de um grupo de sequestradores, foi morto quinta-feira à noite em Caracas (madrugada desta quinta-feira em Lisboa), numa troca de tiros com as autoridades, informaram fontes policiais.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Tomas Bravo / Reuters

A troca de tiros ocorreu dentro do centro comercial El Tolón, em Las Mercedes, Baruta (leste de Caracas) e, além de Victor Manuel da Câmara, o luso-descendente que era conhecido localmente conhecido como "El Portugués", foi também abatido mais um membro do gangue, tendo sido detidas seis pessoas, acrescentaram as fontes.

Em declarações aos jornalistas, o presidente da Câmara Municipal de Baruta, Gerardo Blyde, disse que a troca de tiros ocorreu quando o gangue notou que estava a ser perseguido pela polícia e se refugiou na zona de estacionamento do centro comercial.

"Funcionários do Corpo de Investigações Científicas, Penais e Criminalísticas (Cicpc, antiga Polícia Técnica Judiciária) vinham seguindo os passos destes homens, desde há vários dias, pois pertenciam a um grupo que se dedicava ao sequestro (de pessoas), ao roubo de viaturas, de quintas, entre outros delitos", disse o autarca.

Segundo Blyde, "El Portugués" liderava um grupo de criminosos e era o "homem de confiança" de Mini Joe, criminoso que recentemente conseguiu fugir da Penitenciaria Geral da Venezuela (sul de Caracas) e morreu igualmente numa troca de tiros com as autoridades, sendo suspeito de estar envolvido nalguns dos ataques com explosivos, ocorridos no último fim de semana, contra várias esquadras policiais.

Lusa

  • Manuel Delgado demitiu-se devido a "grave violação da privacidade"

    País

    O ex-secretário de Estado da Saúde diz que apresentou a demissão para "não perturbar nem criar qualquer tipo de embaraço ao normal funcionamento do Governo". Num comunicado, Manuel Delgado esclarece que foi remunerado pelo trabalho de consultor na Raríssimas "muito antes" da entrada no Governo e acrescenta que respeitou na íntegra todo o quadro legal e ético.

  • O que vai mudar nos recibos verdes
    2:55

    Economia

    Os trabalhadores independentes vão descontar menos para a Segurança Social já no próximo ano. A taxa vai descer dos 29,6% por cento para os 21,4%. A descida será compensada por um aumento das contribuições pagas pelos patrões. Há também alterações em caso de desemprego e o subsídio de doença passa a ser pago ao fim de 10 dias em vez de 31.

  • Tripulantes da TAP acusam companhia de desrespeitar compromissos
    3:16

    Economia

    O Sindicato que representa os tripulantes da TAP acusa a empresa de estar a violar a lei. A companhia aérea portuguesa denunciou unilateralmente o acordo de empresa com os tripulantes e apresentou novas condições, que o sindicato considera indignas. Diz que os tripulantes fizeram esforços pela companhia no verão e que agora estão a ser desrespeitados.

  • Uma "Árvore da Esperança" pelas vítimas dos fogos
    2:01
  • Bebé nasce com coração fora do peito e sobrevive
    2:06
  • Zapatou volta a eleger os melhores vídeos da internet
    6:28