sicnot

Perfil

Mundo

Ex-ministro de Thatcher, Geoffrey Howe, morre aos 88 anos

O antigo vice-primeiro-ministro de Margaret Thatcher, Geoffrey Howe, que desempenhou um papel decisivo na sua queda, morreu hoje aos 88 anos, provavelmente de ataque cardíaco, anunciaram hoje familiares.

"É com muita tristeza que a família Howe anuncia hoje a morte inesperada de Geoffrey Howe, ontem [sexta-feira] à noite, aos 88 anos, na sua casa Warwickshire", informou a família num comunicado.

Geoffrey Howe foi um dos principais ideólogos da política económica de Margaret Thatcher e um europeísta convicto.

"A famílias dos conservadores perdeu um dos seus grandes" homens, declarou o primeiro-ministro britânico, David Cameron, prestando homenagem a um "homem amável, gentil e profundamente atencioso", dotado de "coragem" e que "nunca deixou de dar conselhos importantes e sensatos".

Geoffrey Howe foi o ministro que mais tempo se manteve em funções no governo Thatcher, ocupando sucessivamente os cargos de ministro das Finanças, dos Negócios Estrangeiros e, mais tarde, vice-primeiro-ministro.

Foi também líder do partido conservador na Câmara dos Comuns.

Em novembro de 1990, anunciou a demissão num discurso perante a Câmara dos Comuns, no qual atacou violentamente a política europeia de Margaret Thatcher e a sua recusa categórica da adesão do Reino Unido ao projeto da moeda única.

O discurso provocou uma crise no partido conservador que culminou com a queda de Margaret Thatcher, três semanas depois.

Lusa

  • "Nobel é um incentivo para toda uma nação"
    1:19