sicnot

Perfil

Mundo

Rafael Marques acusa autoridades angolanas de terem torturado dois presos políticos

Rafael Marques acusa autoridades angolanas de terem torturado dois presos políticos

O jornalista angolano Rafael Marques acusa as autoridades de Luanda de terem torturado dois dos 17 presos políticos detidos no país. O ativista diz que o caso de Luati Beirão, o musico luso-angolano que está em greve de fome há três semanas, não é unico, embora seja o mais mediático.

  • Ativista angolano em greve de fome há 20 dias em estado grave
    1:31

    Mundo

    O ativista angolano em greve de fome há 20 dias foi transferido para um hospital-prisão e encontra-se em estado grave. Luaty Beirão foi detido em Junho com outros 14 jovens acusados de estarem a preparar um golpe de Estado e um atentado contra o Presidente da República de Angola.

  • Televisão angolana refere-se pela 1ª vez a Luaty Beirão sem mencionar greve de fome

    Mundo

    Luaty Beirão é um dos rostos mais visíveis da contestação ao regime angolano. O luso angolano, em greve de fome há 21 dias, permanece em estado crítico. Este fim de semana foi transferido para um hospital-prisão e continua a recusar ingerir alimentos ou soro. Este sábado, no dia em que Luaty foi transferido para o hospital prisão, a Televisão Pública de Angola (TPA) referiu-se pela primeira vez ao caso, sem nunca falar em greve de fome. Nas palavras da TPA, Luaty Beirão está debilitado porque passou a ter um comportamento diferente em relação aos alimentos.

  • Portugal reúne com o ministro da justiça angolano sobre Luaty Beirão
    0:51

    País

    Portugal vai participar numa reunião com o ministro da Justiça angolano sobre Luaty Beirão e outros detidos em prisão preventiva. A confirmação é do ministro dos Negócios Estrangeiros. Rui Machete diz que Portugal está a acompanhar a situação do ativista luso-angolano em greve de fome há 22 dias, mas que não vai interferir nas questões de justiça interna de Angola.

  • "É ilusão achar que se pode voltar ao ponto em que começou a crise. Isso não há!"
    0:58
  • "O polvo está perfeitamente à rasca"
    1:45