sicnot

Perfil

Mundo

Embaixador de Portugal em Luanda visita Luaty Beirão amanhã

O embaixador de Portugal em Luanda visita quinta-feira Luaty Beirão, que entrou hoje no 31º dia de fome de protesto pela manutenção da sua prisão fora dos prazos legais, disse à Lusa fonte oficial do Ministério dos Negócios Estrangeiros português.

A visita do embaixador João da Câmara está marcada para as 11:00 (mesma hora em Portugal), na clínica privada em que Luaty Beirão está internado desde o passado dia 15.

Luaty Beirão é um dos rostos mais visíveis da contestação ao regime angolano e já chegou a ser preso pela polícia em manifestações de protesto.

O ativista luso-angolano integra um grupo de mais 16 pessoas - duas em liberdade provisória - que foram acusadas formalmente, desde 16 de setembro passado, de prepararem uma rebelião e um atentado contra o Presidente angolano, mas sem que haja uma decisão do tribunal de Luanda sobre a prorrogação da prisão preventiva em que se encontram.

Denunciando que está detido ilegalmente, por se ter esgotado o prazo máximo de 90 dias de prisão preventiva (20 de junho a 20 de setembro) sem nova decisão, Luaty Beirão, também engenheiro de formação, entrou em greve de fome.

Tornou-se na última semana foco principal das vigílias que se realizaram em Luanda e que levaram à intervenção policial para a sua desmobilização.

No passado dia 17, representantes de cinco embaixadas europeias em Luanda, incluindo Portugal, visitaram o ativista angolano.

Lusa

  • Luaty Beirão responsabiliza Presidente angolano por consequências de greve de fome
    4:02

    Mundo

    Luaty Beirão responsabiliza o Presidente de Angola pelas consequências da greve de fome que cumpre em Luanda há 28 dias. Luaty considera que os seus direitos constitucionais estão a ser desrespeitados. O ativista luso-angolano de 33 anos está detido desde 20 de junho, acusado, com outros 16 arguidos, de participação num atentado contra o Presidente. O período de detenção provisória terminou a 20 de setembro. No dia 21, Luaty Beirão iniciou a greve de fome.

  • Governo português quer um encontro a sós com Luaty Beirão
    2:17

    País

    O Governo português quer um encontro a sós, nos próximos dias, com Luaty Beirão, o ativista político angolano que está em greve de fome há 29 dias. Contactado pela SIC,o Ministério Português dos Negócios Estrangeiros adianta que há abertura das autoridades angolanas para a realização deste encontro de um diplomata português com Luaty Beirão e que falta apenas marcar uma data.

  • Menino perdido na Praia da Luz foi levado à GNR por turista
    1:11

    País

    Um menino inglês, de sete anos, esteve desaparecido na quinta-feira na Praia da Luz, no Algarve, depois de se ter perdido dos pais. A GNR colocou duas equipas de investigação no local, mas ao fim de uma hora e meia o rapaz apareceu na esquadra de Lagos acompanhado por um turista a quem terá pedido ajuda.

  • Mais viagens mas menos turistas de Portugal
    1:22

    País

    Os residentes em Portugal - sejam portugueses ou estrangeiros - realizaram quatro milhões de viagens turísticas, só no primeiro trimestre do ano. Um aumento de mais de 6% nas viagens dentro do país face ao período homólogo e de mais de 15% nas viagens para fora, de avião. O estudo é do INE, o Instituto Nacional de Estatística, que permite fazer o retrato mais claro de quem viaja e porquê.

  • Algarve sozinho gera metade dos bens transacionáveis em Portugal
    4:14

    SIC 25 Anos

    O Algarve quase não tem indústria e os especialistas consideram que é excessivamente dependente do turismo. Ainda assim, sozinho contribui com metade do que Portugal gera em bens transacionáveis. A região tem problemas graves, como a falta de médicos e um custo de vida muito alto, mas continua a atrair a maior parte dos turistas e muitos estrangeiros decidem mesmo escolher a região para viver.

  • Sol e bom tempo são pilares da economia algarvia
    3:21

    SIC 25 Anos

    Na capital da região algarvia, o ouro vem do céu. O sol brilha em média 300 dias por ano, o que faz do Algarve o maior destino de férias em Portugal e um dos destinos turísticos mais procurados da Europa, sobretudo nos últimos tempos. É a âncara da economia e da criação de emprego.