sicnot

Perfil

Mundo

Alemão suspeito do rapto de refugiado confessa morte de outra criança

O suspeito do rapto e da morte de um menino de 4 anos, migrante da Bósnia, confessou ter matado outra criança, revelaram hoje as autoridades alemãs. O homem, de 32 anos, foi detido ontem em Berlim.

© Michaela Rehle / Reuters

O porta-voz do Ministério Público adiantou que o suspeito confessou o assassinato de um menino de 6 anos de idade, que desapareceu de perto da casa de seus pais em Potsdam, nos arredores da capital alemã. Não foram revelados mais pormenores.

O suspeito foi detido ontem em casa da mãe, em Berlim, suspeito de raptar um jovem refugiado bósnio de 4 anos, cujo paradeiro era desconhecido há um mês. Segundo as autoridades, também assumiu este homicídio. No porta-bagagens do seu carro foi encontrado o corpo de uma criança morta.

Mohamed Januzi desapareceu no início de outubro fo centro de acolhimento de refugiados de Berlim. A polícia difundiu imagens de uma câmara de vigilância mostrando o menino a receber um peluche das mãos de um homem de cerca de 30 anos.

A imprensa alemã tem dado especial destaque ao desaparecimento de Mohamed, tendo o Bild indicado que, no dia do rapto, o jovem bósnio estava no centro de refugiados com a mãe e com o irmão de nove anos e a irmã de cinco meses.

  • PS volta a subir nas intenções de voto e não baixa dos 40%
    2:01